27.7 C
São Paulo
sábado, maio 21, 2022
- Publicidade -
-Publicidade-
Inicio Destaques A importância do cloro para as plantas

A importância do cloro para as plantas

Antonio Spiassi Silva Pereira Mendesantoniospiassimendes@gmail.com

Julia Cury Marvulle de Barros Carvalho juliacurymbc@gmail.com

Graduandos em Agronomia – Centro Universitário das Faculdades Integradas de Ourinhos (Unifio)

Aline Mendes de Sousa GouveiaEngenheira agrônoma, doutora em Agronomia/Horticultura e professora – Unifioaline.gouveia@unifio.edu.br

Créditos Shutterstock

O cloro é um dos micronutrientes essenciais ao crescimento e desenvolvimento das plantas. Por ser um micronutriente de grande solubilidade na planta, atua na regulação osmótica, na transpiração e no movimento de nutrientes com cargas positivas (cátions) dentro e fora das células das plantas.

No solo está presente na forma iônica Cl-, prontamente disponível para ser absorvido pelas plantas. É encontrado em todos os tipos de solo brasileiro, devido ao fato de ser constituinte de águas oceânicas. Essas águas evaporam, formando nuvens de chuva que são depositadas em outras áreas do continente. Assim, os íons ficam retidos nas soluções dos solos, as vezes são lixiviados, porém, em sua maioria são encontrados em excesso.

Por este motivo, o que mais se estuda é a toxidez das plantas pelo íon cloro. Entretanto, algumas culturas apresentam demanda mais elevada por esse nutriente, necessitando de suplementação através da adubação.

Resultados no campo

O cloro participa ativamente da atividade fotossintética, além de contribuir para o crescimento e desenvolvimento em todas as fases fenológicas. Existem estudos recentes que também demonstram sua importância no controle osmótico da planta, ou seja, contribui para a tolerância das plantas à seca.

Além disso, possui participação na formação e desenvolvimento de frutos, assim como sua qualidade. Também foram observados resultados positivos promovidos pela presença desse micronutriente na porção do solo adjacente ao sistema radicular, onde se notou incremento na fitossanidade das plantas por meio da supressão de doenças, tais como o mal-do-pé (Gaeumannomyces graminis) que acomete a cultura do trigo, o míldio (Pseudoperonospora cubensis) em milheto e o tombamento de plantas provocado por Pythium aphanidermatum em milho, refletindo na produtividade.

Ação e reação

Para ler o restante deste artigo você tem que estar logado. Se você já tem uma conta, digite seu nome de usuário e senha. Se ainda não tem uma conta, cadastre-se e aguarde a liberação do seu acesso.

Inicio Destaques A importância do cloro para as plantas