Aditivos tamponantes – alternativa para aumentar desempenho de bovinos

Substâncias que possuem o objetivo de modificar o metabolismo ruminal, também favorecem a produtividade dos animais.

0
23
Crédito Divulgação

Cada vez mais o aprimoramento tecnológico tem possibilitado uma maior rentabilidade aos produtores rurais e tem favorecido o alcance de melhores índices produtivos.  De acordo com o supervisor técnico Rafael Toigo da Quimtia Brasil, indústria especializada na fabricação de insumos para nutrição animal, uma importante ferramenta que contribui para essa melhoria é o uso de aditivos tamponantes, os quais são substâncias que possuem o objetivo de modificar o metabolismo ruminal e beneficiar o desempenho dos animais.

Segundo ele, a utilização de aditivos tamponantes proporciona benefícios como o aumento na concentração de gordura do leite, na produção de sólidos totais e na produção de leite em si, além da melhora na digestibilidade da matéria seca e do controle do pH ruminal, diminuindo desordens metabólicas. “São mais utilizados na bovinocultura leiteira e em ambientes de confinamento onde a utilização de concentrados é maior”, comenta o especialista.

Toigo ressalta, ainda, que estes compostos, quando adicionados na nutrição de ruminantes, neutralizam outras substâncias como, por exemplo, o ácido lático, produzido na fermentação ruminal, em dietas com alta concentração de amido.

“Os tamponantes podem ser adicionados a dieta via ração, incorporados no vagão misturador ou adicionados diretamente sobre o trato dos animais. A maneira mais adequada seria o produtor controlar a adição dos tamponantes por fora da ração, assim é possível aumentar ou diminuir as dosagens do aditivo sem ter que aumentar o fornecimento da ração”, explica o especialista.

Ainda de acordo com ele, caso a acidez não seja prevenida, o desempenho animal estará comprometido, devido a diminuição da microbiota ruminal, redução da síntese de proteína microbiana e da digestão da fibra, além da indução de enfermidades ligadas a diminuição excessiva do pH ruminal.

“Antes de realizar modificações no manejo nutricional de ruminantes, é necessário a compreensão de aspectos relacionados a sua digestão. Toda a estratégia nutricional deve proporcionar uma melhora no aproveitamento dos nutrientes para evitar perdas e gerar um ambiente ruminal adequado, principalmente em situações onde o animal é desafiado”, finaliza.