21.2 C
Uberlândia
quarta-feira, fevereiro 28, 2024
- Publicidade -
InícioArtigosGrãosAlta amplia sua linha de graminicidas

Alta amplia sua linha de graminicidas

O grande lançamento da feira foi Cartago, um herbicida graminicida à base de Cletodim.

 Fotos Ana Maria Diniz
Fotos Ana Maria Diniz

A ALTA|, empresa brasileira do grupo Agrihold, que opera há três décadas na América do Sul, participou pela quinta vez do Congresso Andav apresentando a sua linha de defensivos agrícolas e também os novos lançamentos.

Segundo Ernesto Eugenio Bellotto, gerente de marketing e supplychainda empresa, este é o evento referência para a rede de distribuição de defensivos no Brasil, permitindo, num curto espaço de tempo, a interação com os mais importantes canais de distribuição. “O evento atendeu plenamente às expectativas e estaremos participando novamente em 2019“, diz Bellotto.

O destaque da Alta foi para o lançamento do Cartago, um herbicida a base de cletodim, efetivo contra diversas gramíneas anuais e perenes em uma variedade de culturas, como soja, algodão, café e feijão.

Em conjunto com o Venture (Haloxifope), a Alta oferece dupla força para amplo espectro de ação no controle de folhas estreitas. “Estamos sempre atualizando nosso portfólio, buscando oferecer formulações inovadoras, eficientes e de qualidade para o mercado de proteção de plantas e adequados à realidade do agronegócio“, informa Bellotto.

Durante o evento, a Alta também apresentou o produto Zavit, um glifosato em formulação exclusiva no Brasil, o granulado solúvel, que oferece solubilidade e estabilidade superiores para o manejo de plantas daninhas de folhas estreitas e largas.

No Brasil,a Alta já conta com 15 produtos registrados, entre fungicidas, inseticidas e herbicidas, todos com elevada importância na proteção dos principais cultivos. Para melhor atender o mercado brasileiro, possui oito centros de distribuição, operados em parceria com grandes empresas de logística do segmento de defensivos agrícolas.

Os participantes conheceram a secagem estática de café que elimina terreiro
Os participantes conheceram a secagem estática de café que elimina terreiro

Essa matéria você encontra na edição de setembro de 2018 da Revista Campo & Negócios Grãos. Adquira o seu exemplar.

 

Ou assine

ARTIGOS RELACIONADOS

Estresse hídrico – A garantia da florada do café

Anísio José Diniz Pesquisador - Transferência de Tecnologia da Embrapa Café anisio.diniz@embrapa.br A Embrapa Cerrados, no âmbito do Consórcio Pesquisa Café, desenvolveu a tecnologia que visa o...

Grupo Farroupilha é premiado com sua marca Rio Brilhante Café de Origem

  O Grupo Farroupilha, sediado em Patos de Minas (MG), apresentou durante a Semana Internacional do Café (SIC), em Belo Horizonte (MG), sua marca de...

Café de qualidade é influenciado pela colheita

José Braz Matiello Engenheiro agrônomo do MAPA/Procafé jb.matiello@yahoo.com.br   Tecnologias de colheita seletiva de condução separada no terreiro e implantação de terreiros suspensos para o melhoramento dos lotes...

Deficiência em fósforo limita produtividade

  Giovani Belutti Voltolini Graduando em Agronomia pela Universidade Federal de Lavras - UFLA giovanibelutti77@hotmail.com Marcos Vinicius de Oliveira Gonçalves Graduando em Agronomia pela Universidade Federal de Lavras...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!