23.7 C
Uberlândia
quinta-feira, fevereiro 29, 2024
- Publicidade -
InícioEventosAlta dos preços agrícolas

Alta dos preços agrícolas

Foto: Reprodução/Divulgação

Apesar da elevação, preocupações ficam por conta do aumento dos custos e dos impactos na cadeia de produção animal

O câmbio foi o principal fator da alta das commodities agrícolas no Brasil em 2020 e vem sustentando em 2021 os patamares de preços, em especial o da soja. Neste ano, o reforço para a continuidade deste patamar veio de Chicago, com preços praticados no mercado internacional, em especial na soja e no milho. Este foi o tema central do Agropauta Web Talks realizado na noite desta segunda-feira, 7 de junho. Participaram do debate o vice-presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Rio Grande do Sul (Fetag/RS), Eugênio Zanetti, o vice-presidente da Bolsa Brasileira de Mercadorias (BBM) e sócio da Corretora Renato Agronegócios, Christiano Erhart, e o analista de Safras & Mercado, Luiz Fernando Roque.

Para Roque, o grande fator que explica a maior parte deste movimento foi o fator câmbio. O analista lembro que, no início da pandemia, o câmbio puxou os preços e o mercado se movimentou internamente porque houve uma demanda muito forte da China, especialmente da soja, principalmente por causa da segurança alimentar. “Vimos a China puxando essa fila e demandando o máximo possível para garantir suprimentos em 2020 e isso enxugou estoques do Brasil e Estados Unidos com o Brasil finalizando o ano quase zerado em estoques com 2 milhões de toneladas, o que garante um mês de esmagamento. E neste ano temos o fator de Chicago, principalmente na soja e no milho, que estão em patamares muito bons”, observou.

Para Erhart, a questão do câmbio foi muito importante na questão das commodities, mas citou também o impacto do grande crescimento da classe média chinesa na última década. “Houve uma ascensão social muito grande, com 400 milhões de pessoas na classe média, o que alterou totalmente a forma de consumo demandando mais produtos, em especial mudando seus hábitos alimentares nas carnes. O que fez com que a China consumir mais soja e milho, o que criou essa reviravolta principalmente no mercado de milho impactando na produção de aves e suínos do Brasil”, reforçou.

Na visão do produtor, Zanetti, afirmou que mesmo com as altas, o agricultor familiar pouco pode explorar estes valores devido às estiagens que afetaram principalmente o milho e também impactaram na renda do produtor de leite. “Embora na safra 2020/2021 plantamos a custo baixo, tivemos prejuízos com a seca e alguns agricultores nem tiveram safra. Mais de 60% da safra de soja foi negociada a menos de R$ 100,00 e agora os preços estão disparados e supervalorizados. Estamos preocupados, em especial na agricultura familiar, com os produtores de leite, pois o produtor não conseguiu fazer a silagem de qualidade e temos que fazer a suplementação de que o custo de produção subiu muito. Ele acaba tendo menos lucratividade do que na safra 2019/2020 com preços mais baixos”, salientou.

O Agropauta Web Talks é promovido pela AgroEffective e quinzenalmente traz nas segundas-feiras um encontro virtual sobre temas relacionados ao setor. O próximo debate ocorrerá no dia 21 de junho, às 19h, no canal Agropauta Web TV no endereço www.youtube.com/agroeffective.


Texto: Nestor Tipa Júnior/AgroEffective

ARTIGOS RELACIONADOS

Produtores de algodão postam em drones para produzir mais em 2023

Projeto envolveu representantes dos Estados que mais plantam e colhem a fibra no País

Herbishow 2022: graminicida de última geração será apresentado no evento

Herbicida com tecnologia proveniente da Itália fortalece portfólio de ponta da Sipcam Nichino Brasil para o setor sucroenergético

AgroFresh exibirá a sua ampla gama de soluções na Fruit Logistica

Os especialistas da AgroFresh estarão presentes no Pavilhão 21, estande E-20, para apresentar as suas tecnologias inovadoras que ajudam a reduzir o desperdício de alimentos e conservar os recursos do planeta

Maior exposição do setor hortifrutícola da América Latina é sucesso de público

A 24ª edição da Hortitec - Exposição Técnica de Horticultura, Cultivo Protegido e Culturas Intensivas " alcançou as expectativas em número de participantes e...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!