Análises preliminares do CESB

0
104
Cesb – Foto: Divulgação

A 13ª edição do Desafio Nacional de Máxima Produtividade de Soja, organizado pelo Comitê Estratégico Soja Brasil (CESB), continua a superar expectativas. Depois do número de produtores inscritos aumentar 15% em relação à edição passada, atingindo a marca histórica de 6 mil sojicultores, o Comitê constatou em análises prévias que o campeão do Desafio do ano passado já foi superado pelo vencedor deste ano.

Os números finais ainda estão sendo contabilizados, e a previsão é de que os vencedores sejam anunciados em junho de 2021. Contudo, os dados que foram contabilizados até o momento já indicam um desempenho superior ao da última edição. Dessa forma, o Desafio Nacional de Máxima Produtividade de Soja atesta a eficiência de seus métodos e o foco em seu compromisso de incentivar sojicultores a aumentar a média produtiva de forma sustentável, por meio das melhores técnicas de cultivo.

De acordo com Nilson Caldas, diretor de marketing de CESB, a disseminação de conhecimentos em prol do desenvolvimento de práticas inovadoras é uma das missões do CESB. “O Desafio é importantíssimo para contribuir para que os sojicultores extraiam o potencial máximo da cultura, aliando dois pontos fundamentais: sustentabilidade e rentabilidade”, analisa.

Aumento de produtividade

Segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a expectativa é de que a atual safra tenha um aumento de 3,5% em produtividade em relação à safra anterior. O relatório da Companhia, divulgado em fevereiro de 2021, indica que foram produzidas cerca de 58,3 sacas por hectare. Porém, participantes ganhadores do Desafio CESB têm produzido até mais de 100 sacas por hectare nas áreas destinadas ao CESB e mantendo médias produtivas elevadas, acima da média nacional, em toda sua propriedade.

Os dados, portanto, comprovam a tendência de aumento de produtividade, firmando o Desafio CESB como uma importante estratégia de estímulo ao agronegócio para manter o crescimento da produção sem aumentar a área plantada.

Sobre o CESB

O CESB é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), que tem por objetivo alavancar a produtividade da soja no Brasil. O comitê é composto por 22 membros e 30 entidades patrocinadoras: Basf, Bayer, Syngenta, UPL, FMC, Jacto, Mosaic, Superbac, Corteva, Instituto Phytus, Eurochem, Compass Minerals, ATTO Adriana Sementes, Stoller, Timac Agro, Brasmax, Stara, Datafarm, Viter, Somar Serviços Agro, Ubyfol, Fortgreen, KWS, Yara, Sumitomo Chemical, Adama, Agrivalle, HO Genética, FT sementes e IBRA.

Além do tradicional Desafio Nacional de Máxima Produtividade da Soja, o CESB realiza uma série de outras ações que visam o incremento da produtividade média da sojicultura nacional de maneira sustentável e rentável para seus participantes e sociedade. Uma destas iniciativas é o Máster em Tecnologia Agrícola (MTA Soja), primeiro curso de pós-graduação em soja. Organizado pelo CESB, em parceria com a Elevagro, o curso terá conteúdo abrangente, contemplando boas práticas e altas produtividades. Mais informações pelo telefone: (15) 3418.2021 ou pelo site www.cesbrasil.org.br