25.6 C
Uberlândia
quarta-feira, junho 19, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosHortifrútiBenefícios do fertilizante organomineral

Benefícios do fertilizante organomineral

Erik Romão

Representante técnico de vendas da Vitória Fertilizantes

 Crédito Cyro Paulino Costa
Crédito Cyro Paulino Costa

Palavra dos pesquisadores: As atividades de suinocultura e de avicultura estão crescendo muito rapidamente no Brasil. Estes sistemas de produção geram grandes quantidades de resíduos orgânicos. Atualmente, no Brasil são produzidos cerca de 7,8 milhões de toneladas de cama de aviário e 105 milhões de m3 de dejetos líquidos de suínos.

A utilização destes resíduos como fonte de nutrientes para o cultivo de grãos e de pastagens é uma prática comum em várias regiões brasileiras. No entanto, o uso de resíduos animais in natura resulta em baixa eficiência de utilização dos nutrientes, perdas por lixiviação e volatilização, e aumenta o risco de contaminação ambiental.

Após a transformação biológica dos resíduos animais e sua associação com fontes minerais é possível produzir fertilizantes organominerais granulados com alto teor de fósforo solúvel para uso em sistemas de produção extensiva de grãos e hortaliças.

Perfil

As características físicas e químicas do fertilizante organomineral granulado estão de acordo com a lei brasileira de fertilizantes. Resultados de campo indicam que a eficiência do uso do fósforo proveniente dos fertilizantes organominerais é semelhante à eficiência dos fertilizantes solúveis.

Dependendo da região analisada, devido a alguns aspectos relacionados com a logística e distribuição, os fertilizantes organominerais granulados podem significar uma alternativa de baixo custo comparada com os fertilizantes minerais tradicionais.

Relação custo-benefício

O fertilizante organomineral é desenvolvido a partir da junção dos benefícios do fertilizante orgânico, produzido a partir da compostagem, fonte orgânica nobre, rica em macro e micronutrientes, porém em baixas concentrações; e de fertilizantes minerais, que, apesar de não possuírem todos os benefícios do orgânico, apresentam concentrações elevadas de nutrientes em sua composição.

Essa combinação resulta em um fertilizante altamente produtivo para o solo e para as plantas, com redução de perdas no cultivo.Além da fácil aplicação, o fertilizante organomineral proporciona melhora no custo-benefício, pois permite que o produtor utilize quantidades de nutrientes de 35 a 40% inferiores às comumente aplicadas com fontes minerais convencionais.

Desta forma, o agricultor é recompensado pela economia imediata a curto, médio e longo prazos. Quando o produtor opta pelo uso de fertilizante organomineral em sua cultura, as perdas dos nutrientes como nitrogênio, potássio, fósforo ou ureia são reduzidas a praticamente zero, graças à alta concentração de matéria orgânica e minerais que o produto dispensa ao solo.

Vantagens

A vantagem econômica é perceptível em qualquer época, especialmente em tempos de crise financeira. O VitfértilOrganomineral da Vitória Fertilizantes é um fertilizante que oferece aumento progressivo na produção, recuperação e manutenção da saúde do solo e vitalidade à planta.

Essa matéria você encontra na edição de março 2018  da revista Campo & Negócios Hortifrúti. Adquira já a sua.

ARTIGOS RELACIONADOS

Cultivo de pimentas – Um ‘tempero’ a mais na renda agrícola

O cultivo da pimenta tem sido o tempero principal para a economia da Agroindústria Sabor da Colônia, localizada nazona rural de Turuçu (RS). A...

Importância da curva de crescimento e da marcha de absorção de nutrientes no tomate

  Leandro Hahn Engenheiro agrônomo, doutor, pesquisador em Fertilidade do Solo e Nutrição de Plantas na Estação Experimental de Caçador (EPAGRI) e professor da Universidade Alto...

Alface em hidroponia – Valor agregado e qualidade final

  Glaucio da Cruz Genuncio Doutor em Nutrição Mineral de Plantas " UFRRJ glauciogenuncio@gmail.com Everaldo Zonta Doutor em Agronomia - UFRRJ Elisamara Caldeira do Nascimento Mestre em Fitotecnia - UFRRJ No Brasil,...

Adubação foliar no cafeeiro corrige deficiências

  Maurício Dominguez Nasser Pesquisador Científico da Apta Regional Alta Paulista - Adamantina/SP mdnasser@bol.com.br Flávia Aparecida de Carvalho Mariano Nasser Engenheira agrônoma e pós-doutoranda - Unesp - Botucatu A adubação...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!