Brasil tem primeiro drone 100% conectado à tecnologia 5G

0
40
Drone – foto ilustrativa – Crédito: Shutterstock

O drone NAURU 500C da XMobots, maior fabricante de drones do Brasil e da América Latina, é o primeiro 100% brasileiro conectado à tecnologia 5G para missões do agronegócio nacional. O equipamento foi desenvolvido em uma iniciativa da Ericsson e da São Martinho S.A, um dos maiores grupos do mercado sucroenergético do mundo, em parceria com a Vivo Empresas.

O primeiro local selecionado para a implantação da tecnologia 5G de comunicação foi justamente na Usina São Martinho, em Pradópolis (SP). Para evitar a construção de outras torres de transmissão no local, foi adotada a solução Microwave Ericsson MINI-LINK, que permite a interligação via microondas para as áreas remotas estratégicas e que elimina o risco de rompimento de fibra óptica por alguma máquina no campo.

O uso da tecnologia 5G permite ao NAURU 500C realizar um mapeamento de alta precisão com transmissão de vídeo e com controle em tempo real de todo o processo de captura de imagens. Com a alta velocidade e baixa latência do 5G, a câmera embarcada no drone tem também a capacidade de realizar live streaming em tempo real e com imagens de alta definição.

A tecnologia empregada com o 5G potencializa aos agricultores eficiência nos processos e nas operações. Entre outros benefícios e vantagens, os drones serão ainda mais precisos nos desafios do campo como na detecção de plantas daninhas, no controle inteligente de pragas ou para a localização e identificação de focos de incêndio em canaviais.

“Hoje, os drones da XMobots permitem trazer a melhor produtividade para as missões, sejam agrícolas ou não, reduzindo o tempo das operações e análises, de dias para poucas horas. E com a disponibilidade de conectividade às redes móveis que os drones da XMobots possuem, a produtividade e eficiência oferecidas só tendem a aumentar”, conclui Giovani Amianti, CEO da XMobots.

Sobre a XMobots

Fundada em 2007, a XMobots é a maior empresa do Brasil e América Latina especializada no desenvolvimento e fabricação de drones. Em 2020, a empresa foi classificada como a 15ª maior empresa de drones do mundo pelo Drone Market Report 2020, relatório produzido pela Drone Industry Insights, maior empresa de pesquisa voltada ao mercado de drones. Atualmente a XMobots conta com 170 colaboradores, dos quais cerca de 60 são engenheiros que compõem a equipe de Pesquisa e Desenvolvimento da empresa. Este time é responsável por todo o desenvolvimento de tecnologias embarcada nos drones, como airframes, aviônicos, sensores, além de softwares baseados em inteligência artificial. Em 2019 a XMobots recebeu um investimento Series A no valor de R 30 milhões do fundo Aerotec, e atualmente a empresa está participando de uma rodada Series B com Fundos de Private Equity.