13 C
São Paulo
domingo, junho 26, 2022
- Publicidade -
-Publicidade-
Inicio Notícias Chuvas bem distribuídas influenciam alta produtividade de algodão na Bahia

Chuvas bem distribuídas influenciam alta produtividade de algodão na Bahia

Segundo associação dos produtores, produção deve aumentar 30% em relação à última safra

 

Créditos Shutterstock
Créditos Shutterstock

O clima tem contribuído bastante para o crescimento das produções de algodão no estado da Bahia. O período positivo começou no fim do ano passado e durou até abril deste ano. O bom volume de chuvas, aliado aos manejos fitossanitários e tratos culturais eficientes, foram os principais responsáveis pela atual fase das lavouras. “A safra 2016/17 foi de aproximadamente 202 mil hectares, para a próxima, há projeções de 30% de incremento“, afirma Antônio Carlos, engenheiro agrônomo da Associação Baiana dos Produtores de Algodão.

Segundo o especialista, a média da safra anterior foi de 165 arrobas. Para esta são previstas 290, conforme constatam já com 55% de área colhida. As principais regiões produtoras do estado são oeste e sudoeste, onde ficam as maiores lavouras de algodão. “A Bahia tem um enorme potencial para a produção de algodão, sendo o maior estado do Nordeste em relação à produtividade da cultura e, junto com Mato Grosso, o maior do país também“, finaliza Antônio Carlos.

De acordo com o meteorologista da Climatempo, Alexandre Nascimento, a chuva retorna na segunda quinzena de outubro e será mais um ano com a chuva favorecendo a safra de algodão na Bahia.

Sobre o Grupo Climatempo  

O Grupo Climatempo é a principal empresa privada de meteorologia do país. Fornece, atualmente, conteúdo para mais de 50 retransmissoras nacionais de televisão, para rádios de todo o Brasil e para os principais portais. Com cerca de dois mil clientes oferece conteúdo meteorológico estratégico para o setor de agricultura, moda e varejo, energia elétrica, construção civil, seguradoras e indústrias farmacêutica e de alimentos.

O Portal Climatempo transformou-se no veículo líder em visitação do país. É referência na divulgação de conteúdo que estimula a consulta diária de previsão do tempo. Classificado nos principais institutos de pesquisa entre os 30 sites mais visitados do país em língua portuguesa, é visitado por mais de 1, 5 milhão de usuários por dia, chegando a quase 3 milhões nas vésperas de feriados e durante fenômenos extremos de tempo e clima, com um crescimento anual na marca de 30%. O Grupo é presidido pelo meteorologista Carlos Magno que, com mais de 27 anos de carreira, foi um dos primeiros comunicadores da profissão no país.

Mais informações: Assessoria de Imprensa Climatempo – Linhas Comunicação  (11) 3465-5888

Inicio Notícias Chuvas bem distribuídas influenciam alta produtividade de algodão na Bahia