25.9 C
Uberlândia
terça-feira, julho 16, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosGrãosCom recorde de público e negócios, Agrobrasília 2018 supera as expectativas

Com recorde de público e negócios, Agrobrasília 2018 supera as expectativas

Crédito-Divulgação
Crédito-Divulgação

Chega ao fim mais uma edição da AgroBrasília. E a 11ª Feira Internacional dos Cerrados foi um verdadeiro sucesso. Todas as expectativas foram superadas e os números impressionaram: cerca de 115 mil visitantes passaram pelo Parque Tecnológico Ivaldo Cenci entre os dias 15 e 19 de maio. Foram 440 expositores que apresentaram produtos, inovações, serviços e novidades voltadas ao agronegócio brasileiro.

“A décima primeira edição superou todas as expectativas; foi espetacular. Batemos todos os recordes: de público, expositores e, principalmente, volume de negócios“, avalia Ronaldo Triacca, coordenador-geral da AgroBrasília.

Em relação ao montante movimentado na feira, o número enche os olhos e mostra toda a pujança da agropecuária da região do Planalto Central e, também, do Brasil: um bilhão e cem milhões transformaram-se em investimentos, maquinário, insumos e muito mais, o que resultará em desenvolvimento para o Planalto Central.

“Superou, e muito, o que a gente imaginava. Temos sempre em mente que a feira está em constante crescimento e, neste ano, tivemos um incremento muito grande de público. O parque ficou cheio e isso para nós é muito satisfatório“, pontua Leomar Cenci, presidente da Cooperativa Agropecuária da Região do Distrito Federal (Coopa-DF), realizadora da AgroBrasília.

Crédito Divulgação
Crédito Divulgação

Relevância nacional

Com o tema ‘Tecnologia Digital em Favor do Campo’, a Feira Internacional dos Cerrados mostrou sua importância para o setor. As empresas levaram para exposição suas máquinas com tecnologias diferenciadas, implementos, insumos com alto valor genético, veículos, pesquisas, além de diversas tecnologias que beneficiam o dia a dia no campo.

Na Área Internacional, comitivas estrangeiras de diversos países conheceram a Feira. Além disso, a Colômbia esteve presente com um estande no Pavilhão de Negócios. O destaque foi para o Dia Internacional, onde foi realizada visita técnica na Agrícola Wehrmann. O público estrangeiro pôde conhecer, de perto, a agricultura do Planalto Central, além de suas tendências e diversificações.

Importantes instituições financeiras do País estiveram na feira, além de cooperativas da região e instituições públicas e privadas. Na AgroBrasília 2018, máquinas, insumos, pecuária, pesquisa, agricultura familiar, veículos, cursos, palestras e eventos diversificados foram os atrativos.

E por falar em eventos, o auditório Buriti ficou pequeno. O I Fórum das Mulheres do Agronegócio e do Cooperativismo mostrou a força feminina nos setores. Já o V Seminário de Economia Agrícola mostrou a todos as tendências, desafios e oportunidades no que se refere à modernização da agropecuária. E a fruticultura irrigada na macrorregião do Planalto Central foi destaque no II Fórum das Águas do Cerrado.

No Espaço da Agricultura Familiar, 13 circuitos temáticos apresentaram aos visitantes temas de suma importância para o setor. Além disso, palestras, cursos e soluções para o pequeno produtor marcaram os cinco dias de evento.

“Temos um carinho muito grande pela agricultura familiar e chama a atenção o tanto de público que estava rodando, principalmente no Espaço da Agricultura Familiar, coordenado pela Emater, em busca de tecnologias para serem aplicadas nas propriedades.

A 11ª Feira Internacional dos Cerrados chega ao fim com balanço mais que positivo e mostrou a todos a força do agronegócio brasileiro.

 

Essa matéria você encontra na edição de junho de 2018 da Revista Campo & Negócios Grãos. Adquira o seu exemplar.

 

Ou assine

ARTIGOS RELACIONADOS

BASF chega com inovações à Hortitec

A Hortitec 2017 foi bem movimentada e frequentada, como era de se esperar, apesar da crise que atravessa o País. “Vimos que o mercado...

Néctar de flores é nova opção no controle de lagartas

  Márcio Fernandes Peixoto Doutor em Agronomia e professor do Instituto Federal Goiano marciofpeixoto@gmail.com   Um produto inédito entra no mercado para o manejo da fase adulta (mariposas)...

Aviação agrícola – 70 anos de Brasil

Completando sete décadas de atuação no Brasil, a aviação agrícola precisa de regras para continuar sobrevoando as lavouras brasileiras. Saiba o que é preciso...

Adubação de plantio a lanço com fertilizante protegido na soja

A soja (Glycine max L.) é uma das culturas mais produzidas no Brasil, representando a principal commodity agrícola do País. Dentre as práticas de manejo da cultura, a fertilidade e a nutrição de plantas destacam-se como uma das principais ações responsáveis pelo sucesso da lavoura.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!