13 C
São Paulo
sexta-feira, junho 24, 2022
- Publicidade -
-Publicidade-
Inicio Revistas Hortifrúti Cultivo de pimenta dedo-de-moça - Você sabe por onde começar?

Cultivo de pimenta dedo-de-moça – Você sabe por onde começar?

Raquel SilvianaNeitzke

Engenheira agrônoma e doutora em Agronomia

raquelsilviana@gmail.com

Crédito Luize Hess
Crédito Luize Hess

A pimenta dedo-de-moça (Capsiumbaccatum), também conhecida como pimenta vermelha, é uma das mais cultivadas no Brasil, principalmente nas regiões sul e sudeste. Quando desidratada em flocos com sementes, é chamada de pimenta calabresa.

Esta pimenta apresenta pungência baixa a média, e é amplamente empregada na culinária.

Importante saber

A pimenta dedo-de-moça possui ciclo de 120 a 150 dias, variando de acordo com a cultivar e as características do ambiente. Seu cultivo é relativamente fácil, porém, para a obtenção de pimentas de alta qualidade e boa produtividade alguns cuidados devem ser considerados, mesmo antes do plantio, como:

ðPreferir para o plantio uma área bem ventilada, que não tenha histórico de plantio recente com solanáceas (tomate, pimentão, batata, berinjela, jiló), com solo profundo e bem drenado, não sujeito ao encharcamento.

ðDeverá ser realizado o preparo do solo e adubação balanceada de acordo com a análise do solo. Carência ou excesso de nutrientes são causas frequentes de graves distúrbios fisiológicos.

ðUtilizar sementes de boa qualidade. Em caso de usar semente própria, devem ser escolhidas plantas saudáveis para retirar sementes. Este cuidado é importante, pois muitas doenças são transmitidas pelas sementes.

ðA produção de mudas deve ser preferencialmente feita em bandejas preenchidas com substrato comercial, em ambiente protegido. As mudas também podem ser produzidas em sementeiras.

ðAs sementeiras devem ser preparadas com revolvimento da terra, destorroamento e correção da fertilidade com base na análise química do solo.

ðEm muitas regiões é possível adquirir mudas ou contratar a produção das mesmas por profissionais que se dedicam a esta atividade. Este sistema é indicado para cultivo em grandes áreas e apresenta como principais benefícios a rapidez na obtenção das mudas, assim como a boa qualidade delas.

Cuidados

A pimenta dedo-de-moça é uma planta exigente em calor, sensível a baixas temperaturas e intolerante a geadas. Deve ser cultivada preferencialmente nos meses de alta temperatura. Baixas temperaturas inviabilizam a produção, provocando a queda de flores e frutos, além de influenciar negativamente a qualidade dos frutos.

Crédito Shutterstock
Crédito Shutterstock

Transplantio das mudas

Em regiões de inverno rigoroso é recomendado que o transplantio das mudas seja realizado em outubro. Produtores que dispõem de estufas poderão antecipar o cultivo, com produção das mudas nas mesmas. Ainda sim, as mudas somente deverão ser transplantadas para o local definitivo quando as temperaturas forem mais amenas, sem ocorrências de geadas.

O transplantio deverá ser realizado quando as mudas apresentarem de quatro a seis folhas definitivas, ou aproximadamente de dez a quinze centímetros de altura. No caso de terem sido produzidas em sementeiras, as mudas deverão ser retiradas com cuidado, evitando danos às raízes. Logo após o transplantio recomenda-se realizar irrigação para auxiliar o pegamento das mudas.

Práticas culturais

O espaçamento recomendado é de aproximadamente 60 cm entre plantas e 1,00 a 1,20 m entrelinhas.As principais práticas culturais recomendadas para o cultivo de dedo-de-moça são irrigação, manejo de plantas invasoras, de insetos pragas e doenças e adubação de cobertura.

A utilização de um filme plástico de cor negra (‘mulching’) ou dupla-face, ou seja, negro de um lado e branco do outro, evita o aparecimento de plantas invasoras e reduz a evaporação da água do solo.

Em regiões com chuvas bem distribuídas a irrigação poderá ser dispensada. Quando a irrigação for adotada, deve-se evitar o excesso de água, para diminuir a incidência de doenças. Sempre que possível, preferir irrigação por gotejamento, que consiste na aplicação localizada na zona radicular da planta, sistema que se mostra mais eficiente na utilização da água.

A grande vantagem do sistema consiste na aplicação da água de forma localizada na zona radicular, sem atingir a parte aérea das plantas, minimizando a ocorrência de doenças.

Colheita

O ponto de colheita ideal das pimentas é determinado visualmente, quando os frutos atingem a coloração vermelha. Quando as pimentas forem destinadas ao comércio dos frutos in natura, a colheita deverá ser realizada preservando o pedúnculo. Para a produção de pimenta calabresa, a colheita poderá ser feita sem os pedúnculos ou os mesmos deverão ser retirados antes da trituração das pimentas.

O horário indicado para a colheita das pimentas é nas horas mais amenas do dia, no início da manhã e no final da tarde. O custo de produção varia de acordo com o nível de tecnificação empregado.

Essa matéria você encontra na edição de junho 2017  da revista Campo & Negócios Hortifrúti. Adquira já a sua.

Inicio Revistas Hortifrúti Cultivo de pimenta dedo-de-moça - Você sabe por onde começar?