18.1 C
São Paulo
sexta-feira, agosto 12, 2022
-Publicidade-
Inicio Revistas Grãos Eficácia dos produtos Frexus Ceres Plus® e CelencoDC Primeâ„¢ na cultura da...

Eficácia dos produtos Frexus Ceres Plus® e CelencoDC Primeâ„¢ na cultura da soja

Leandro Scaranello

Engenheiroagrônomo

Crédito Montana
Crédito Montana

O presente trabalho foi conduzido em São Gabriel do Oeste (MS), em parceria com a CropSolutions, empresa de consultoria, pesquisa e assistência. O objetivo foi avaliar a eficácia de dois produtos do portfólio agrícola da Lonza, empresa multinacional suíça que completa 120 anos de fundação em 2017 na cultura da soja.

O Brasil é um dos maiores produtores de soja do mundo, com uma área que chegou a quase 34 milhões de hectares na última safra, 1,6% maior que a área da safra 2015/16. Como para uma boa produtividade é extremamente importante manter a sanidade adequada das lavouras, existem diversos produtos fungicidas no mercado, que são bastante eficazes no controle das principais doenças da cultura da soja, como: ferrugem asiática, mancha-alvo (avaliadas neste ensaio), antracnose, mofobranco, oídio, dentre outras.

 O trabalho avaliou a eficácia de dois produtos do portfólio da Lonza - Crédito Shutterstock
O trabalho avaliou a eficácia de dois produtos do portfólio da Lonza – Crédito Shutterstock

Em destaque

A ferrugem asiática é a principal doença que afeta os componentes de rendimento da cultura da soja, e a cada ano a preocupação com o seu controle vem aumentando, pois seu ataque é rápido e agressivo.

Diversas são as técnicas utilizadas para o controle desta doença, como época de semeadura, variedades menos sensíveis e controle químico, sendo este o que vem sofrendo as maiores modificações nos últimos dois anos, com a entrada de fungicidas protetores, e outros produtos que auxiliam o manejo, como fosfitos e adjuvantes.

Manejo de doenças

Com o intuito de verificar se ferramentas que auxiliam o manejo de doenças podem ser utilizadas de modo que tragam lucro ao produtor, o trabalho avaliou dois produtos da Lonza associados ao manejo padrão de fungicidas sistêmicos.

Foram realizadas avaliações no âmbito de controle de ferrugem asiática e mancha-alvo, além de avaliação final de produtividade. Os produtos testados foram o Frexus Ceres Plus e o CelencoDCPrime, associados aos fungicidas definidos pela empresa de consultoria.

O Frexus Ceres Plus é um produto que possui fosfito de cobre em sua formulação associado a um poderoso adjuvante, que faz com que o produto atue de forma diferente de seus concorrentes, trazendo mais lucro ao produtor.

Crédito Shutterstock
Crédito Shutterstock

O CelencoDC Prime é um adjuvante específico para fungicidas capaz de melhorar significativamente sua eficácia, fazendo com que o controle de doenças e, consequentemente a produtividade, sejam maiores.

Tratamento Época de aplicação Produtos Dose
1
2 V5-V6 Fungicida X* 0,4
R1 Fungicida Y* 0,4
R1+21DD Fungicida Y* 0,4
R1+36DD Fungicida Z* 0,3
3 V5-V6 Fungicida X*+Frexus Ceres Plus 0,4+0,5
R1 Fungicida Y*+Frexus Ceres Plus 0,4+0,5
R1+21D Fungicida Y*+CelencoDC Prime 0,4+0,3
R1+36D Fungicida Z*+CelencoDC Prime 0,3+0,3
4 V5-V6 Fungicida X*+CelencoDC Prime 0,4+0,3
R1 Fungicida Y*+CelencoDC Prime 0,4+0,3
R1+21D Fungicida Y*+CelencoDC Prime 0,4+0,3
R1+36D Fungicida Z*+CelencoDC Prime 0,3+0,3

Figura 1. Descrição dos tratamentos

Resultados e discussões

Para as avaliações de severidade de ferrugem asiática, a testemunha foi a única que apresentou sintomas iniciais. Nas demais avaliações, todos os tratamentos apresentaram melhor controle e menor severidade da doença, sendo que, dentre todos os tratamentos, aquele que utilizou apenas com fungicida foi o que teve o pior controle, conforme figura a seguir. Os tratamentos 3 e 4 não apresentaram diferenças significativas entre si.

Gráfico 1 - Lonza

Figura 2 – Evolução da severidade da ferrugem ao longo das aplicações

Nas avaliações de mancha-alvo, observou-se baixa infestação inicial em todos os tratamentos, sendo que, a partir da terceira aplicação de fungicida, foi notado que os tratamentos 3 e 4 contribuíram para uma significativa redução de severidade, conforme figura 3.

Os tratamentos não diferenciaram entre si, porém, houve diferença estatística tanto para a testemunha quanto para o tratamento 2.

Gráfico 2 - Lonza

Figura 3– Severidade mancha-alvo, 10 dias após a terceira aplicação

Essa matéria completa você encontra na edição de outubro 2017 da revista Campo & Negócios Grãos. Adquira já a sua para leitura integral.

Inicio Revistas Grãos Eficácia dos produtos Frexus Ceres Plus® e CelencoDC Primeâ„¢ na cultura da...