22.6 C
Uberlândia
quarta-feira, maio 29, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioDestaquesEmater-MG promove encontro de mulheres durante a Expocafé 2022

Emater-MG promove encontro de mulheres durante a Expocafé 2022

Produtora de café Luciene

A participação das mulheres na cafeicultura será destaque durante a Expocafé 2022. Considerada a maior feira da cafeicultura no Brasil, ela é uma das principais difusoras de tecnologias no segmento e reúne, anualmente, produtores, representantes da indústria e visitantes diversos. A Expocafé será realizada de 25 a 27 de maio, no Campo Experimental da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), em Três Pontas, no Sul de Minas.

Pelo terceiro ano consecutivo, a Emater-MG irá promover o Encontro das Mulheres do Café. Em 2020 e 2021, ele foi feito no formato virtual. Nesta edição, será presencial. O encontro será no dia 26 (quinta-feira), às 10 horas, na Tenda de Eventos. O 3º Encontro das Mulheres do Café faz parte da Expocafé Mulheres, que conta com uma programação especial dedicada às cafeicultoras.

As inscrições para participar do encontro promovido pela Emater serão feitas no dia e local do evento. A expectativa é de que cerca de 150 mulheres estejam presentes.

Palestras e experiências

O 3º Encontro das Mulheres do Café vai contar com palestras e apresentação de experiências de mulheres que se destacam na cafeicultura familiar. A coordenadora técnica de Agroindústria da Emater-MG, Thaís Brumano Kalil, irá abordar a regularização de empreendimentos de processamento de café.

“A palestra é voltada para quem pretende regularizar as agroindústrias familiares que vendem tanto o café torrado, como o café moído. Com a valorização dos cafés especiais no mercado, aumentou o interesse dos produtores para fazer a própria torrefação. Então, mostraremos como elaborar um projeto, falar da importância de adotar o manual de boas práticas de produção e, assim, conseguir a habilitação para venda em todo o país”, explica a coordenadora.

Seguindo a mesma linha, a Superintendente de Vigilância Sanitária de Minas Gerais, Ângela Vieira, irá apresentar o programa Café com Visa, mostrando a importância e o processo de habilitação voltado para as agroindústrias familiares.

A atuação de duas cafeicultoras familiares do Sul de Minas também será destaque no encontro promovido pela Emater-MG. A agricultora Luciene Santos Mota vai relatar o trabalho que ela, o marido e os filhos desenvolvem no município de Pedralva. Eles produzem café orgânico em três sítios da família e fazem parte do Certifica Minas Café, programa de certificação de propriedades cafeeiras criado pelo Governo de Minas. A venda do café é feita para empórios, cafeterias, lojas de produtos orgânicos e mercados. Em 2016, tiveram o café exportado para o Japão.

Outra cafeicultura que irá apresentar sua experiência durante o encontro é a dona Maria Isolina de Souza. Com quase 90 anos de idade, ela é referência numa família que investe na produção de café. Hoje o trabalho é desenvolvido junto com os filhos e netos, numa sucessão de quatro gerações.

A produção familiar de café na fazenda Mato da Onça, em Varginha, é de 300 sacas por ano, vendidas para cooperativas da região. Recentemente, a família começou também a produzir cafés especiais. A Emater-MG faz parte da história da família da dona Maria Isolina. Faz aproximadamente 30 anos que os técnicos da empresa em Varginha prestam assistência na propriedade.

Programação – 3º Encontro das Mulheres do Café

10h – Abertura Oficial – Rogério da Silva Araújo (gerente da Emater-MG) e representantes da Expocafé Mulheres

10h15 – Apresentações

*Como regularizar seu empreendimento de processamento do café – Thaís Brumano Kalil (Emater-MG)
*Programa Café com a VISA – Ângela Vieira (Superintendência de Vigilância Sanitária-MG)

11h – Depoimentos/Experiências

*Turismo rural e café – Luciene Santos Mota (Pedralva)
*Sucessão rural: Quatro gerações na cafeicultura – Maria Isolina de Souza (Varginha)

11h30 – Debate e encerramento

A programação completa da Expocafé está no site www.expocafeoficial.com.br

ARTIGOS RELACIONADOS

Soja + café: Integração de alto valor

Uma técnica que promete revolucionar a cafeicultura é a consorciação de café com soja ...

Expocafé chega a sua 20ª edição

Maior feira nacional do agronegócio café será realizada entre 17 e 19 de maio, em Minas Gerais A Expocafé chega a sua 20ª edição neste...

Coffee O’Melo no Anuário do Café 2022

A Coffee O'Melo está localizada na cidade produtora de Campos Altos, que pertence à região do Cerrado Mineiro. O clima é ideal para o cultivo cafeeiro de lá trouxemos uma história marcante, que o Edu Melo conta neste video e também no Anuário do Café.

Expocafé reúne todos os elos da cadeia produtiva em Três Pontas

  Evento será de 1º a 3 de julho e programação inclui feira e dinâmicas de campo O maior evento do agronegócio café no Brasil chega...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!