27.7 C
São Paulo
quinta-feira, maio 26, 2022
- Publicidade -
-Publicidade-
Inicio Destaques Energia solar

Energia solar

A hora é agora!

Placas solares – Crédito: Shutterstock

Expansão acelerada da energia solar no Brasil tem incentivado empresários a criarem novos modelos de negócio. As energias renováveis representam o futuro do desenvolvimento sustentável e para uma economia limpa.

O consumidor deve ficar atento ao novo aumento na conta de energia elétrica anunciado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). O valor sobe de R$ 9,49 para R$ 14,20 a cada 100 kWh (quilowatt-hora) consumidos.

A nova bandeira tarifária é chamada de “escassez hídrica”, em decorrência da maior crise hídrica dos últimos 91 anos e aos custos adicionais provenientes da entrada em operação das termelétricas.

A nova tarifa adicional tem previsão para perdurar até abril de 2022 no Sistema Interligado Nacional. Já os consumidores dos sistemas isolados, como em Roraima e outras regiões remotas, não pagam esta tarifa, tampouco os que estão contemplados pela tarifa social.

De acordo com Aneel, a tarifa média do Brasil sem impostos e sem bandeira tarifária é de 0,609 / kWh ou R$ 60,9 a cada 100 kWh para bandeira verde. “A alteração da Bandeira Vermelha Patamar 2 de R$ 9,49 para Bandeira Escassez Hídrica, de R$ 14,20 a cada 100 kWh, corresponde a um aumento da tarifa média residencial de R$ 69,49 para R$ 74,20 a cada 100 kWh, o que representa um aumento médio de 6,78% na conta de luz dos clientes”, informa a agência.

Direto no campo

Geralmente estamos acostumados a ver os painéis fotovoltaicos nos telhados das casas e em prédios na cidade, não é mesmo? Mas saiba que a energia solar na agricultura também vem sendo muito utilizada – e não é para menos.

A energia solar no campo, seja para a produção na agricultura, na pecuária ou em qualquer outra atividade, apresenta uma série de benefícios que, no fim das contas, se traduz em uma grande economia para o setor.

Portanto, se você tem uma propriedade rural, confira a seguir alguns motivos que explicam por que a energia solar na agricultura é um grande investimento com retorno garantido.

Para todos os bolsos

Hoje, produtores rurais de todos os tipos e perfis já fazem uso da energia solar fotovoltaica. Para se ter uma ideia, Rodrigo Sauaia, presidente da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), conta que 13,5% de todos os investimentos em geração própria de energia solar são feitos em propriedades rurais. “Os produtores rurais são o terceiro segmento que mais investe em geração de energia solar própria. O primeiro segmento é composto pelas residências, seguido de empresas de comércio e serviços”, relata.

A participação dos produtores rurais na energia solar tem crescido muito ao longo dos anos – estava na faixa de 4 a 5% em 2017, saltando para os 13,5%, um crescimento de quase três vezes em apenas quatro anos. O executivo ressalta que o sistema de geração solar fotovoltaica é adequado para produtores de todos os tipos de cultura.

Então, hoje já vemos produtores de milho, soja, algodão, café, mandioca, hortaliças e também criadores de aves, animais e peixes aplicando a energia solar na iluminação, em processos de irrigação e bombeamento de água, que demandam muita energia elétrica no campo, além de processos produtivos de refrigeração de leite e carnes, processamento de matérias-primas e de insumos.

O sistema modular fotovoltaico é muito versátil. A mesma tecnologia utilizada por grandes produtores rurais pode ser utilizada na agricultura familiar. Rodrigo Sauaia explica que a única diferença é o número de equipamentos utilizados, “mas o dimensionamento é simples e a manutenção do sistema é baixa. O sistema não tem partes móveis, não emite nenhum tipo de ruído ou poluente, como gás, líquido ou sólido durante a sua operação. Isso mostra que é um sistema e sustentável e ecologicamente correto, que ajuda, inclusive, o produtor a buscar novos clientes e consumidores que estão cada vez mais exigentes com relação aos quesitos ambientais”, pontua.

Com a sustentabilidade dada pela energia limpa e renovável do sistema fotovoltaico, o produtor rural tem um ganho também para sua marca, para sua imagem e para o seu posicionamento junto aos clientes e o mercado.

Por onde começar

Para ler o restante deste artigo você tem que estar logado. Se você já tem uma conta, digite seu nome de usuário e senha. Se ainda não tem uma conta, cadastre-se e aguarde a liberação do seu acesso.

Inicio Destaques Energia solar