18.1 C
São Paulo
sexta-feira, agosto 12, 2022
-Publicidade-
Inicio Revistas Hortifrúti Enraizadores otimizam produção de mudas de tomate

Enraizadores otimizam produção de mudas de tomate

 

Adriana Nascimento Rizzo

Engenheira agrônoma, doutora em Produção Vegetal e consultora na Cheiro do Verde ” Araraquara (SP)

dririzzo@hotmail.com

Enraizadores proporcionam melhores mudas de tomate - Crédito Shutterstock
Enraizadores proporcionam melhores mudas de tomate – Crédito Shutterstock

O uso de fertilizantes com hormônios de crescimento na produção de mudas melhora o enraizamento, o que garante sucesso no transplantio, visto que a planta se desenvolve melhor. Isso porque o uso de enraizadores proporciona aproveitamento de brotos laterais que seriam descartados, precocidade na produção, pois os brotos são retirados de plantas adultas, e produção mais rápida.

A aplicação deve acontecer logo após a retirada do broto da planta adulta, por imersão do caule na solução ou pó, antes do plantio.

O resultado

Em campo, o uso de enraizadores tem proporcionado desenvolvimento mais rápido e uniforme que mudas produzidas por sementes. E o melhor, o custo não é alto, pois a quantidade utilizada de produto enraizador é mínima, e de grande rendimento.

Custo-benefício

Se compararmos o valor de 100 g de semente de boas cultivares de tomate híbridas, o valor do enraizador não chegaria a 10% do custo de produção destas mudas. Por outro lado, a muda chega mais rústica ao campo, conferindo bom desenvolvimento e ciclo precoce.

Esta, portanto, pode ser boa alternativa para cultivos mais rápidos e com menor custo de produção e boa produtividade. Lembrando que existem vários produtos comerciais com nutrientes agregados que podem ajudar na boa qualidade de mudas.

Essa matéria você encontra na edição de agosto da revista Campo & Negócios Hortifrúti. Adquira a sua.

 

Inicio Revistas Hortifrúti Enraizadores otimizam produção de mudas de tomate