18.1 C
São Paulo
segunda-feira, agosto 8, 2022
-Publicidade-
Inicio Destaques Eucalipto tolerante a herbicida é aprovado pela CTNBio

Eucalipto tolerante a herbicida é aprovado pela CTNBio

Eucalipto – Crédito: Fibria

A Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio) aprovou para uso comercial, no dia 11 de novembro, uma nova variedade de eucalipto geneticamente modificado (GM) tolerante a herbicida.

A nova tecnologia foi desenvolvida pela FuturaGene, subsidiária da Suzano e líder em pesquisa e desenvolvimento genético de plantas voltadas para o aumento da produtividade e da resiliência do setor florestal renovável global.

A tecnologia foi avaliada e aprovada pela CTNBio após amplos testes e avaliações de risco, bem como a caracterização molecular a fim de garantir que as plantas modificadas não apresentassem riscos à saúde humana e animal ou ao meio ambiente. A decisão da CTNBio reforça o compromisso da empresa com a excelência em pesquisa e com os mais elevados padrões éticos e de segurança.

Perfil

O novo eucalipto confere a característica de tolerância ao herbicida glifosato, amplamente utilizado no setor florestal há mais de 30 anos durante as etapas iniciais de plantio do eucalipto.

A tecnologia permitirá o uso mais eficiente do produto nas áreas florestais, reduzindo custos com insumos. Além disso, permitirá às equipes de campo terem melhores condições de trabalho e resultará em um menor uso de tratores nas operações florestais, diminuindo, assim, a pegada de carbono dessas atividades.

A redução de danos às árvores jovens deve aumentar a produtividade no campo, em um momento no qual a demanda mundial por produtos renováveis, como a madeira, está crescendo de maneira significativa.

“O desenvolvimento dessa tecnologia é parte da estratégia da Suzano de aliar inovação e sustentabilidade para criar processos e produtos que possibilitem usar menos áreas e agroquímicos a fim de preservar e proteger ainda mais os recursos naturais, o que contribui com o propósito da Suzano de renovar a vida a partir da árvore”, afirma Walter Schalka, presidente da Suzano.

O processo de desenvolvimento do novo eucalipto GM da FuturaGene levou mais de oito anos e incluiu extensa avaliação de biossegurança. Após a aprovação da CTNBio, o eucalipto geneticamente modificado tolerante a herbicida será incorporado ao programa de melhoramento convencional da Suzano para ampliar os testes em regiões representativas da cultura do eucalipto, assim como é feito com os clones convencionais. O objetivo desta etapa é desenvolver materiais adaptados para futuro uso comercial.

Todas as atividades que forem realizadas a partir desta aprovação serão conduzidas usando as mais altas diretrizes de segurança e ética, conforme estabelecido na política de árvores GM da Suzano, e com base nas práticas de manejo florestal da empresa.

A Suzano está comprometida em compartilhar os benefícios e o valor dessa nova tecnologia com parceiros por meio de seu programa de fomento florestal, incluindo pequenos proprietários de terras. Após testes em larga escala, os parceiros terão acesso livre à tecnologia sem a necessidade de pagamento de royalties, assim como é feito com os clones convencionais.


Sobre a Suzano

A Suzano é referência global no desenvolvimento de soluções sustentáveis e inovadoras, de origem renovável, e tem como propósito renovar a vida a partir da árvore. Maior fabricante de celulose de eucalipto do mundo e uma das maiores produtoras de papéis da América Latina, atende mais de 2 bilhões de pessoas a partir de 11 fábricas em operação no Brasil, além da joint operation Veracel.

Com 97 anos de história e uma capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano, exporta para mais de 100 países.

Tem sua atuação pautada na Inovabilidade – Inovação a serviço da Sustentabilidade – e nos mais elevados níveis de práticas socioambientais e de Governança Corporativa, com ações negociadas nas bolsas do Brasil e dos Estados Unidos. Para mais informações, acesse: www.suzano.com.br

Inicio Destaques Eucalipto tolerante a herbicida é aprovado pela CTNBio