27.2 C
Uberlândia
segunda-feira, julho 15, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosGrãosExpocafé 2018 termina com saldo positivo

Expocafé 2018 termina com saldo positivo

Crédito Totonho Rigotti
Crédito Totonho Rigotti

A Expocafé 2018 encerrou-se em 18 de maio, no Campo Experimental da EPAMIG, em Três Pontas (MG), com um saldo positivo para organizadores e expositores. “Setenta por cento dos termos de intenção para a próxima edição já foram renovados por escrito. Em 2019, nosso desafio será redesenhar o mapa da feira para atender aos expositores que desejam expandir seus estandes“, diz o coordenador de negócios da feira, Antônio Nunes.

Segundo o expositor Maicon Mendes, a infraestrutura da feira melhorou muito, principalmente após o asfaltamento na área do evento. “Nossa intenção é aumentar a área do nosso estande, que foi muito procurado pelo público. Nosso trabalho na feira foi fazer a demonstração de equipamentos e tirar dúvidas dos clientes. Trabalhamos com bicos de pulverização e os produtores têm muitas dúvidas. Nosso estande foi bastante visitado, superando as nossas expectativas“, avalia.

Os expositores novatos também ficaram satisfeitos com os negócios e contatos gerados durante o evento. “Notamos que eles ficaram surpresos com o perfil do público da Expocafé, que é prioritariamente consumidor“, comenta Antônio Nunes.

É por esse motivo que muitas empresas querem voltar à feira em 2019. Expondo pela primeira vez, o analista de marketing Lau Ramos, que veio da filial, em Santa Catarina, garante que os contatos estabelecidos foram o grande negócio. “Os participantes da Semana Internacional do Café (SIC) nos indicaram a feira como um ótimo ambiente para chegar até o cafeicultor e pudemos comprovar isso. Foi uma oportunidade para apresentar a marca e a tecnologia da nossa empresa. Queremos retornar ano que vem“, garante.

Tecnologias

Outra característica da Expocafé reforçada nesta edição é o potencial para a transferência de tecnologias e troca de experiências entre a área técnica e os produtores. Durante os três dias de feira foram realizadas as dinâmicas de máquinas e atendimentos técnicos nos estandes da Epamig, Emater-MG, Governo de Minas Gerais, Universidade Federal de Lavras, Cocatrel, dentre outros.

“O produtor foi à Expocafé em busca de inovações para a atividade e alternativas para a redução de custos e aumento da qualidade do produto final. O interesse deles vai além da compra; é um público que valoriza a troca de experiências e o acesso às informações“, analisa o coordenador técnico da feira, César Botelho.

A Expocafé reuniu 160 expositores - Crédito Luize Hess
A Expocafé reuniu 160 expositores – Crédito Luize Hess

Estrutura

A Expocafé é realizada pelo Governo de Minas Gerais e organizada pela Epamig. Nesta edição o evento contou com 160 empresas expositoras e atraiu um público de 12 mil participantes. A expectativa, de acordo com os próprios expositores, é de que o volume de negócios gerados e prospectados supere os R$200 milhões.

Essa matéria você encontra na edição de junho de 2018 da Revista Campo & Negócios Grãos. Adquira o seu exemplar.

Ou assine

ARTIGOS RELACIONADOS

Como ter mais proteção e benefícios ao sistema radicular do milho?

Autores Fabio Olivieri de Nobile Doutor e professor - Centro Universitário da Fundação Educacional de Barretos (UNIFEB) fabio.nobile@unifeb.edu.br Maria Gabriela Anunciação Graduanda em...

Multissítio da Nufarm mostra controle eficaz da doença em mais de 40 ensaios realizados nas safras 2015-16 e 2016-17

Adoção média de fungicidas protetores saltou de 6% para 38% da área de soja nas últimas safras; produtos são indispensáveis ao 'manejo de resistência'...

Feijão-de-porco + perenes – Arma contra daninhas e pragas

O feijão-de-porco é uma leguminosa com crescimento inicial e fechamento rápido, indicada no controle de plantas daninhas, principalmente a tiririca, além da função de adubo verde...

‘Adjuvantes da Pulverização’: programa reavalia funcionalidade de mais de 100 adjuvantes

Iniciativa do setor privado e do Centro de Engenharia e Automação do IAC, auxilia indústria da área a agregar credibilidade a produtos não fiscalizados por órgãos oficiais do país

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!