Fazendas verdes

0
13

Jefferson Carvalho Barros – Doutorando em Educação, professor e coordenador do curso de Agronegócio e da pós-graduação em Logística e Supply Chain-Unibalsas – coord.agronegocio@unibalsas.edu.br
Antonio Santana Batista de Oliveira Filho – Mestre em Agronomia e tutor presencial – Unopar – Balsas – a15santanafilho@gmail.com
Adriana Araujo Diniz – Professora adjunto II – UEMA/CESBA – adrisolos2016@gmail.com

Pelerson Penido Dalla, mais conhecido como Peleco, presidente do Grupo Roncador –
Créditos Marcos Lopes

O agronegócio por anos foi visto por muitos como o vilão do desenvolvimento sustentável, no entanto, ao longo dos anos o produtor rural tem se dedicado cada vez mais a preocupar-se com as questões ambientais. O esforço conjunto dos produtores em preservar a diversidade tem levado ao surgimento de fazendas verdes.
As fazendas verdes são propriedades rurais que dedicam seus esforços para, em conjunto com a produção, realizar também a sustentabilidade e menor degradação dos recursos ambientais. Ao longo do avanço do agronegócio, o produtor rural pode perceber que a degradação ambiental afeta principalmente a ele mesmo, gerando grandes prejuízos a sua propriedade, e através dessa observação o agronegócio atualmente passou a ser grande aliado da preservação ambiental.

Oportunidades

Ainda há muito a ser avançado na questão sustentabilidade, mas aos poucos se percebe que o setor agropecuário tem se desenvolvido dentro dessa vertente, onde enormes vantagens se abrem. Assad; Martins; Pinto (2012) apontam produtos mais “limpos”, redução de custos em função de boas práticas agrícolas, aumento no sequestro de carbono e liderança mundial na produção agrícola com baixa emissão de carbono como alguns dos enfoques que a agricultura brasileira pode obter sucesso frente à conservação e sustentabilidade.

Problemas x solução

Outra preocupação do agronegócio brasileiro está na competitividade internacional. Para que a mesma seja garantida, é necessário que práticas de sustentabilidade sejam adotadas, frente ao grande rigor internacional por uma produção mais sustentável. Desse modo, as propriedades rurais brasileiras também têm se preocupado com a conservação afim de atender de forma satisfatória esse mercado.
Nesse sentido, o entendimento da definição de sustentabilidade envolve os principais atributos do desenvolvimento sustentável, que segundo Feil; Schreiber (2017) são: solução à escassez de recursos naturais vinculados a questões energéticas e recursos naturais; originou-se da deterioração entre ecologia global e o desenvolvimento econômico; abrange a sustentabilidade e desenvolvimento sustentável; preocupação com o futuro dos recursos naturais e da vida humana.
O desenvolvimento sustentável, então, pode ser conceituado como uma estratégia utilizada em longo prazo para melhorar a qualidade de vida (bem-estar) da sociedade (Feil; Schreiber 2017).

Exemplos reais

Desse modo, as fazendas verdes são consideradas exemplos de sustentabilidade, pois adotam práticas que reduzem a degradação do meio ambiente, pois objetivam a produção agrícola, porém, visando também a sustentabilidade dos recursos naturais disponíveis.
É fundamental deixar de lado a agricultura convencional e trilhar em direção a uma agricultura mais sustentável e menos ameaçadora à natureza. A agricultura ecológica mostra-se como um ideal em construção que pode trazer grandes benefícios para quem produz, para quem consome e para o conjunto do meio ambiente (Ruscheinsky, 2002).

Conscientização ambiental

Para ler o restante deste artigo você tem que estar logado. Se você já tem uma conta, digite seu nome de usuário e senha. Se ainda não tem uma conta, cadastre-se e aguarde a liberação do seu acesso.