23.3 C
São Paulo
domingo, julho 3, 2022
- Publicidade -
-Publicidade-
Inicio Revistas Grãos Fevereiro é o mês de definir a segunda safra

Fevereiro é o mês de definir a segunda safra

 

Ronaldo Teixeira

Economista, contador e profissional da área agrícola

ronaldoteixeira@mprado.com.br

 

Fevereiro é o mês de definir a segunda safra - Créditos Ademir Torchetti
Fevereiro é o mês de definir a segunda safra – Créditos Ademir Torchetti

Para a safrinha deste ano estima-se que o Brasil deve produzir entre 41,5 e 46,0 milhões de toneladas, em que o maior recuo com intenção de plantio será o Estado de Mato Grosso, com redução de aproximadamente 10,3% em relação ao ano anterior.

A área prevista de plantio de milho safrinha deverá diminuir em 2015 em relação ao último ano. O atraso na implantação da soja e as expectativas não muito positivas do mercado futuro de milho contribuíram para esta redução.

Mas, a disposição dos produtores em semear a safrinha se mantém mesmo com o pouco espaço para uma reação sustentada dos preços do milho no médio prazo.

 A definição da cultura a ser plantada na safrinha depende da região de atuação - Créditos Ademir Torchetti
A definição da cultura a ser plantada na safrinha depende da região de atuação – Créditos Ademir Torchetti

Principais culturas plantadas

A definição da cultura a ser plantada na safrinha depende da região de atuação.  Temos regiões que optam pelo algodão, milho, sorgo, e até mesmo o girassol, que vem tendo destaque em algumas regiões brasileiras. Alguns produtores correm os riscos previstos quando utilizam o plantio da soja como segunda safra.

Hora de definir a segunda safra

Na verdade, o mês de definir a segunda safra é entre agosto e setembro, pois para programar uma boa segunda safra o produtor deve enxergar o sistema de plantio como um todo, colocando as duas safras na tomada de decisões, sendo necessário se atentar para o ciclo das duas culturas que serão desenvolvidas durante o ano, a adubação necessária, tratos culturais, pois uma determinada cultura pode deixar resíduos que prejudicam o desenvolvimento da outra.

A definição da cultura a ser plantada na safrinha depende da região de atuação - Crédito Luize Hess
A definição da cultura a ser plantada na safrinha depende da região de atuação – Crédito Luize Hess

Primeira gera boa segunda safra

E importante escolher o ciclo da soja em função de sua precocidade e época ideal de plantio, tendo em vista que as variedades de soja mais precoces têm zoneamento de plantio mais cedo, podendo ser plantadas no início do mês de outubro e colhidas no fim de janeiro.

Portanto, para plantio de milho na segunda safra este deve acontecer até, no máximo, dia 20/02. Após esta data a cultura mais indicada para a região do Triângulo Mineiro é o girassol e o sorgo, pois essas culturas têm um custo de implantação menor e demandam menos água para seu desenvolvimento.

Planejamento é fundamental

Fertilidade do solo é uma grande preocupação de agricultores que fazem duas safras por ano, pois a demanda por nutrientes pelas plantas praticamente dobra nesta situação, podendo o agricultor usar culturas que se beneficiem dos restos culturais da safra passada, como o milho, que utiliza uma parte do nitrogênio deixado pela soja no solo após ser colhida, a soja, que utiliza o potássio deixado pela cultura do girassol, etc.

Outro detalhe importante é a utilização de herbicida, que pode deixar resíduos no solo prejudicando a cultura seguinte, pois a maioria dos herbicidas sistêmicos podem demorar até seis meses para se decompor.

A presença de nematoides deve ser bem monitorada, pois com cultivo intensivos estes podem se multiplicar com uma velocidade muito grande e causar sérios prejuízos ao produtor.

Riscos

Quando o produtor opta por fazer uma safrinha de soja, ele deve levar em conta alguns riscos, especialmente aqueles relacionados ao eminente desenvolvimento de resistência a agrotóxicos. A ferrugem asiática, com alta incidência na soja, ainda no início do período vegetativo, demonstra que uma grande quantidade de esporos do fungo, multiplicado na safra normal de soja, pode disseminar na safrinha.

O estudo de viabilidade econômica e financeira do planejamento safrinha também tem que ser executado, obedecendo todas as premissas técnicas de acordo com a equipe agronômica. Deve-se estabelecer qual tecnologia será utilizada e, com base nestas informações, promover as previsões de custos dos insumos, maquinários, administrativos, serviços, produtividade esperada e preços que serão praticados.

Girassol é uma das opções de safrinha - Crédito Miriam Lins
Girassol é uma das opções de safrinha – Crédito Miriam Lins

Como escolher o melhor material para plantar

Primeiro, é preciso avaliar bem a área a ser plantada, escolher áreas nobres da fazenda com alto índice de fertilidade, avaliar as plantas daninhas para se fazer um manejo adequado, identificar qualquer problema, como por exemplo, a existência de nematoides (pois existem matérias que multiplicam estes no solos).

Em relação ao material a ser cultivado, deve-se levar em conta alguns fatores como: precocidade, pois, em variedades de ciclo rápido, é impossível implantar o sistema; e resistência a pragas, pois com culturas subsequentes a incidência de pragas tende a aumentar muito.

É preciso, ainda, avaliar o potencial produtivo, pois variedades muito precoces, via de regra, têm potencial produtivo menor que as variedades de ciclo longo. Por fim,é importante escolher variedades que estejam adaptadas para plantio na região devido a muitas variedades serem trazidas do Sul do País e poderem não se comportar da mesma maneira.

 

Essa matéria completa você encontra na edição de Fevereiro da revista Campo & Negócios Grãos. Adquira a sua para leitura integral.

Inicio Revistas Grãos Fevereiro é o mês de definir a segunda safra