25.9 C
Uberlândia
terça-feira, julho 16, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosHortifrútiFosfito previne requeima e doenças bacterianas no tomateiro

Fosfito previne requeima e doenças bacterianas no tomateiro

 

Adriana Rizzo

Engenheira agrônoma, doutora em Produção Vegetal e proprietária da Cheiro do Verde

dririzzo@hotmail.com

 

Sintoma de requeima no tomateiro - Crédito Jesus Tofoli
Sintoma de requeima no tomateiro – Crédito Jesus Tofoli

Na cultura do tomate é utilizado o fosfito de potássio para o manejo preventivo da requeima. Já para a prevenção de doenças bacterianas, aplica-se o fosfito de cobre.

A requeima

A requeima, causada pelo fungo oomiceto Phytophthora infestans, é uma das mais agressivas e destrutivas doenças do tomateiro em condições de alta umidade e temperaturas amenas.

Os prejuízos causados pelas doenças bacterianas ao tomateiro são mais acentuados no período chuvoso, sendo comum o relato de perdas de até 100%. A incidência de doenças bacterianas é maior em períodos quentes e chuvosos porque estes patógenos são dependentes de água livre durante os processos de penetração, colonização, infecção e disseminação.

A penetração de bactérias nos tecidos vegetais ocorre por meio de aberturas naturais (estômatos e hidatódios) e/ou ferimentos. No entanto, para que isso ocorra é necessário que haja um filme d’água entre o ambiente externo e o interno que funcione como um carreador de células bacterianas.

Após a colonização e infecção, processos geralmente favorecidos por temperaturas mais elevadas (>28ºC), células bacterianas produzidas nos espaços intercelulares alcançam a superfície por meio destas aberturas naturais dos tecidos vegetais e são disseminadas via respingos d´água e aerossóis (partículas de água carreadas pelo vento).

Esta dispersão ocorre de maneira mais eficiente em períodos chuvosos.

 

Condições para o ataque

A penetração de bactérias nos tecidos vegetais ocorre por meio de aberturas naturais (estômatos e hidatódios) e/ou ferimentos - Crédito Jesus Tofoli
A penetração de bactérias nos tecidos vegetais ocorre por meio de aberturas naturais (estômatos e hidatódios) e/ou ferimentos – Crédito Jesus Tofoli

Entre as condições propícias para o ataque desses males estão: alta umidade e temperaturas amenas para requeima, e ferimentos em partes da planta com água livre em sua superfície, pois as bactérias se movimentam pela água para dentro da planta.

Manejo preventivo

Para não se deparar com prejuízos, o produtor deve investir na aplicação via foliar ou via adubação em solo de produtos à base de fosfito regularmente, seguindo orientações técnicas e recomendações do fabricante.

O fosfito age inibindo o crescimento micelial de Phytophthora e pode incentivar a produção de substâncias de defesa em plantas, ou seja, pode ser usado preventiva ou curativamente. Isso porque ele diminui o desenvolvimento do fungo nas plantas, reduzindo a severidade da doença quando ela ocorre. Sua ação reduz até 60% a severidade e sintomas das doenças citadas.

Custo

O custo da aplicação é baixo, pois pode ser utilizado juntamente com outro produto, ‘barateando’ e não interferindo na ação de outros compostos.

ARTIGOS RELACIONADOS

Fertilizantes enriquecidos aumentam a produtividade do cafeeiro

Daniela Andrade Mestre em Fitotecnia/Cafeicultura e coordenadora de operações agrícolas na Ac Café S.A daniela.agronomia@outlook.com João Paulo Teixeira Bacharel em Agronomia e supervisor de operações Agrícolas na Ac...

Nova forma de condução da pimenta-do-reino

Luiz Augusto Lopes Serrano Pesquisador da Embrapa Agroindústria Tropical luiz.serrano@embrapa.br Inorbert de Melo Lima Pesquisador do Incaper - CRDR Centro Norte inorbert@incaper.es.gov.br Várias espécies do gênero Eucalyptus são...

Fertilizantes de liberação lenta – Tendência em folhosas

Elisamara Caldeira do Nascimento Talita de Santana Matos Doutoras em Agronomia Glaucio da Cruz Genuncio Doutor em Agronomia e professor de Fruticultura "UFMT glauciogenuncio@gmail.com   Um dos grandes desafios da agricultura...

Nova UPL vai focar em inovação

Inovação, tanto de produtos quanto de processos, será um dos principais focos da nova empresa resultante da compra da Arysta pela UPL, destacou nesta...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!