Goiaba: Cultivo atrai produtores

0
113

Autor

José Augusto MaioranoEngenheiro agrônomo, mestre e pesquisador – CATI-SAA/SP – Divisão de Extensão Ruralmaiorano@cdrs.sp.gov.br

Goiaba – Foto: Shutterstock

A goiaba (Psidium guajava L.) é uma espécie de porte arbóreo ou semiarbóreo, atingindo de 3,0 a 8,0 metros de altura, pertencente à família Myrtaceae. Pela sua origem nas Américas, se adapta muito bem em nosso País, maior produtor.

O Brasil, com uma área estimada em torno de 20.000 hectares, é o terceiro maior produtor mundial de goiaba, destacando-se entre os maiores produtores, como Índia, Paquistão, México, Egito, Venezuela, África do Sul, Jamaica, Quênia e Austrália.

Com cerca de 45% da produção mundial, a goiabeira é hoje encontrada em quase todas as regiões tropicais e subtropicais do mundo, em virtude da sua fácil adaptação a diferentes climas e sua fácil propagação por semente. As frutas apresentam ampla variação na forma, tamanho e cor, sendo as de polpa branca e vermelha as mais exploradas comercialmente.

Produção brasileira

O Brasil tem produção de goiaba estimada em 38 a 39 milhões de toneladas, sendo que a goiaba ocupa o 20º lugar entre as furtas mais vendidas na CEAGEP/SP

A área plantada de goiaba no Brasil está em crescimento, saindo de pouco mais de 15.000 ha em 2007 para mais de 20.000 em 2017.

Ano Produção (ton) Área (na)
2007 316.301 15.069
2008 312.348 15.743
2009 297.377 1.5048
2010 323.872 1.5995
2011 342.528 1.5956
2012 345.332 15.231
2013 349.615 15.034
2014 359.349 15.923
2015 424.330 17.690
2016 415.181 17.195
2017 460.515 20.294

                                    Fonte: IBGE

Para ler o restante deste artigo você tem que estar logado. Se você já tem uma conta, digite seu nome de usuário e senha. Se ainda não tem uma conta, cadastre-se e aguarde a liberação do seu acesso.