25.6 C
Uberlândia
segunda-feira, julho 22, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosGrãosHora de definir a segunda safra

Hora de definir a segunda safra

Maria Idaline Pessoa Cavalcanti Engenheira agrônoma e doutoranda em Ciência do Solo – Universidade Federal da Paraíba (UFPB)

idalinepessoa@hotmail.comJosé Celson Braga Fernandes

Engenheiro agrônomo e doutorando em Biocombustíveis – UFU/UFVJM celsonbraga@yahoo.com.br

Girassol – Crédito Shutterstock

O Brasil é um País que tem apresentado uma grande diversidade climática. Nesse aspecto, suas extensões territoriais têm contribuído para esse fator, podendo assim realizar diversos plantios com diversas culturas agrícolas.

Atualmente, os plantios agrícolas no Brasil dependem exclusivamente das condições climáticas. A chuva, por exemplo, é o fator principal para os nossos plantios. Em regiões onde a chuva tem se prolongado, junto às condições climáticas favoráveis, esses plantios são realizados em dois momentos.

Por exemplo, na safra de soja 2020/21 na região do Cerrado, o plantio iniciou entre os meses de outubro e novembro do ano de 2020, sendo colhida no ano de 2021. Em seguida entra a cultura safrinha, que aproveita o restante do período de chuvas, portanto, resultando em uma nova colheita.

Para esse momento são utilizadas diversas culturas, que vão de acordo com o planejamento agrícola, rotação de culturas e disponibilidade de recursos. Lembrando que essas nomenclaturas referindo à safra 2020/21 são oriundas dos órgãos responsáveis, como a CONAB.

Programação

Antes de tudo, o produtor deve ter um planejamento de sua propriedade. Assim ele determinará o que será plantado na safra e safrinha. Esse entendimento e escolha vão depender muito das oscilações do mercado, como a valorização da cultura que se pretende trabalhar e a situação do clima econômico atual.

O produtor ainda deve se perguntar: Quais insumos serão usados na produção e como está o mercado para estes materiais? Como está a base alimentar? Então, a partir desses e outros questionamentos o agricultor deve buscar a melhor cultura que possa trazer desempenho, resultando sempre em eficiência e custo-benefício favorável.

Como escolher a cultura

Definido seu planejamento, a escolha do material é de suma importância. É neste momento que o produtor estará tomando suas decisões sobre quais culturas escolher. Dependendo do tamanho da área e o manejo escolhido, podemos encontrar produtores que têm utilizado mais de uma cultura na safrinha.

[rml_read_more]

Além de contribuir para uma diversificação no mercado, a safrinha tem favorecido a rotação de culturas. Por outro lado, temos produtores que apenas realizam a chamada cobertura de solo (prática agrícola que visa proteger o solo de inúmeros fatores prejudiciais). Nesse sentido de escolha da cultura agrícola, o produtor deve sempre buscar empresas idôneas, que possam disponibilizar, além das sementes, os insumos necessários, assim como uma boa consultoria, que faça o acompanhamento da produção agrícola.

As culturas agrícolas empregadas na safrinha são diversas, entre as quais: milho, girassol, sorgo, milheto e trigo. Entre essas culturas, chama atenção o trigo, que passou por melhoramento genético, adequando-se às condições edafoclimáticas do Cerrado e alcançando expressiva produtividade que regiões dominadoras de técnicas de plantio não têm alcançado.

Atualmente, sua área de plantio vem obtendo expansão, e de acordo com a demanda de mercado interno. Segundo dados da Embrapa, em 2019 houve um aumento na área e a tendência é crescer ainda mais, pois o Cerrado encontra-se com áreas disponíveis para o seu cultivo, além de ter uma cultura melhorada geneticamente para esse ambiente.

Fato curioso é que o trigo produzido no Cerrado apresenta ausência de toxina, devido a não ocorrer doenças ocasionadas por fungos. Outro ponto que nos chama atenção e corrobora para aumento da sua área produtiva no Cerrado é a demanda interna.

De acordo com a Agrostat, órgão ligado ao Ministério da Agricultura, o Trigo é um dos produtos agrícolas mais importado pelo Brasil, ou seja, nossa produção ainda não é grande o suficiente para essa demanda interna. Vale salientar que o trigo está na nossa base alimentar, como pães e massas em geral.

Produtividade

O termo safrinha, por muito tempo, foi utilizado no sentido diminutivo, entendendo-se que a safrinha seria reduzida, com pouca produção. No entanto, com o avanço da tecnologia disponibilizando sementes com altíssimas tecnologias, assim como seus insumos para produção, essas culturas têm mostrado excelentes resultados e, consequentemente, contribuído para a economia do nosso País de forma satisfatória.

Erros

Alguns erros podem acontecer, quando realizado um planejamento de forma errônea, não respeitando a janela de produção, ou seja, o calendário agrícola. Para isso, tomamos como bases as informações divulgadas pelas instituições de pesquisas e nos preparamos para eventuais acontecimentos, a escolha e compra de sementes, ter um conhecimento prévio dos seus fornecedores, exigindo qualidade dos produtos fornecidos e, quando necessário, buscar orientações técnicas de profissionais.

ARTIGOS RELACIONADOS

Flores comestíveis: Mercado crescente no Brasil

O mercado global de flores comestíveis calculou a geração de um valor de US$ 265 milhões em 2018, tendo uma estimativa de crescimento em torno de US$ 504 milhões até 2030.

Produção de mudas de café em tubete

  Maurício Dominguez Nasser Pesquisador científico - APTA Regional Alta Paulista " Adamantina/SP mdnasser@apta.sp.gov.br As principais formas de produzir mudas de café conhecidas por todas as áreas brasileiras...

Vírus rugoso do tomateiro pode chegar ao Brasil

Uma nova doença pode chegar no Brasil e causar sérios prejuízos, trata-se da ToBRFV. Os sintomas da doença podem ser observados nas folhas e nos frutos.

Os melhores substratos para sistema hidropônico

Elisamara Caldeira do Nascimento Talita de Santana Matos Doutoras em Agronomia - UFRRJ Rafael Campagnol Professor de Olericultura - UFMT Glaucio da Cruz Genuncio Professor de Fruticultura - UFMT glauciogenuncio@gmail.com Conceitua-se substrato...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!