18.1 C
São Paulo
quinta-feira, agosto 11, 2022
-Publicidade-
Inicio Revistas Grãos Índice de Poder de Compra de Fertilizantes

Índice de Poder de Compra de Fertilizantes

Soja – Créditos: shurtterstock

O resultado do IPCF para a última semana de julho aponta para um pequeno impacto em comparação à média de 2020. No entanto, esse resultado é menor quando comparado ao período que compreende entre o quarto trimestre de 2018 ao segundo trimestre de 2019, no qual a média foi de 1,22.

cid:image003.png@01D7937F.2717A670

Apenas voltando para índice em junho – que foi calculado em 1,04 – pode-se dizer que os três fatores que compõem o índice (commodities agrícolas, taxa de câmbio e fertilizantes) foram relevantes para o resultado: a queda dos preços da soja, por influência do mercado internacional, e do milho, devido a uma pressão natural e sazonal de início de colheita da safrinha; a manutenção de um cenário mais firme para os fertilizantes pelo quadro internacional de aperto de oferta e também pelo aumento de suas respectivas matérias-primas; e a valorização do real.

Já em julho, houve uma maior estabilidade do câmbio e apreciação dos preços das duas principais commodities do índice – soja e milho. No entanto, o mercado de fertilizantes continua firme em função de uma demanda internacional aquecida e restrições do lado da oferta acentuadas por perdas de produção na América do Norte.

“Devido à recuperação da economia global e o foco em segurança alimentar, a demanda por alimentos deve continuar muito forte durante 2021. Alinhado a este fator, estamos com um quadro de estoques globais de grãos mais apertados, o que contribui para um cenário de aumento de áreas de plantio e uso de tecnologia em muitos países, contribuindo para aumentar a demanda por insumos agrícolas, incluindo os fertilizantes”, comenta Eduardo Monteiro, vice-presidente Comercial da Mosaic Fertilizantes.

“Apesar das oscilações, é válido destacar que a rentabilidade das principais lavouras continua positiva, estimulando o investimento em tecnologia. O Brasil deverá colher em 2021/22 mais uma safra recorde de grãos e também deverá embarcar um volume recorde de fertilizantes. Para os agricultores se prepararem para o início da safra de verão, é preciso um planejamento operacional, além da gestão de risco administrando receita e custos”, completa o executivo.

Entendendo o IPCF.

O IPCF é divulgado mensalmente e consiste na relação entre indicadores de preços de fertilizantes e de commodities agrícolas. Uma relação menor que 1,0 indica que os fertilizantes estão mais acessíveis do que no mesmo período em 2017, e uma relação maior que 1,00 significa que os adubos estão menos acessíveis em comparação com o mesmo período.

O cálculo do IPCF leva em consideração as principais lavouras brasileiras: soja, milho, açúcar, etanol e algodão.

Inicio Revistas Grãos Índice de Poder de Compra de Fertilizantes