15.2 C
Uberlândia
domingo, julho 14, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioNotíciasKoppert adquire a Geocom e passa a oferecer também serviços aos agricultores

Koppert adquire a Geocom e passa a oferecer também serviços aos agricultores

Geocom é especializada em geoprocessamento e aplicação de agentes biológicos com drones

Drone no campo – Foto: Divulgação

Com o objetivo de oferecer uma experiência completa ao produtor rural brasileiro, a Koppert Biological Systems, multinacional holandesa líder mundial em controle biológico, acaba de adquirir a Geocom, com sede em Lençóis Paulista (SP). Atuando na área de tecnologia na agricultura desde 2013, a empresa é pioneira em geoprocessamento de imagens e no desenvolvimento de tecnologia exclusiva para aplicação de agentes biológicos via drones no Brasil.

Desde sua chegada ao país, em 2011, essa é a sexta aquisição realizada pela Koppert. “Nosso objetivo é expandir o campo de atuação, para poder oferecer o melhor a nossos clientes e parceiros. Agora, além de insumos biológicos, também teremos tecnologica de monitoramento e aplicação”, destaca o diretor comercial da Koppert do Brasil, Gustavo Herrmann.

Para o diretor industrial da Koppert do Brasil, Danilo Pedrazzoli, trata-se de uma decisão estratégica. “Percebemos a necessidade de complementar a qualidade e eficiência de nossos produtos com uma aplicação mais especializada, para garantir o desempenho máximo dos biodefensivos no campo. Já tínhamos uma parceria com a Geocom e, conhecendo a qualidade de seus equipamentos e serviços, optamos pela aquisição.”

Os sócios da Geocom, empresa que pertencia ao Grupo Eba, destacaram a importância dessa nova configuração de negócios. Segundo Antonio Donizeti de Oliveira, a sinergia entre Geocom e Koppert já existia antes da possibilidade da venda, numa parceria com objetivos, clientes e mercado em comum. “Deixo minha plena confiança de que o legado continua, para perpetuar propósitos e negócios, ampliando ainda mais a cobertura de atendimento, neste segmento que realça o presente e o futuro da agricultura mundial”, ponderou.

Segundo Gláucio Carrit Antiga, a aquisição da Geocom pela Koppert representa não só um marco na história da empresa, mas também motivo de muito orgulho. “Ao longo da sua história, a Geocom se estabeleceu no mercado como líder no seu segmento de atuação, na era da agricultura digital, e agora tem tudo para se manter nesse patamar, liderada pela Koppert.”

Sobre a Koppert:

A Koppert Biological Systems está presente no Brasil desde 2011, quando iniciou seus primeiros registros. Atualmente, conta com duas modernas instalações fabris: a unidade de microbiológicos, localizada na cidade de Piracicaba, e a de macrobiológicos na vizinha Charqueada, ambas no estado de São Paulo.

A empresa possui infraestrutura completa para atender à crescente demanda do mercado agrícola por defensivos biológicos, tornando a agricultura brasileira mais sustentável, saudável e em harmonia com a natureza.

Com processos produtivos padronizados, seguros e altamente tecnificados, garante confiabilidade e qualidade dos seus mais de 20 produtos. A empresa conta ainda com departamento próprio de Pesquisa & Desenvolvimento para aperfeiçoamento de tecnologias de controle biológico para a agricultura tropical.

Foto: Danilo Pedrazzoli, Gláucio Carrit Antiga, Paul Koppert, Antonio Donizeti de Oliveira e Gustavo Herrmann.

ARTIGOS RELACIONADOS

Drone como aliado contra o desmatamento

Obter informações detalhadas sobre uma floresta é fundamental para orientar o poder público a definir políticas de conservação e a monitorar possíveis crimes ambientais, como queimadas e desmatamentos ilegais.

Como pequenos produtores podem monitorar a produção pelo celular?

Acessível a pequenos produtores, solução garante aumento da eficiência das operações, mais economia, segurança e produtividade

Tecnologia inédita no mundo dá acesso a imagens diárias e escaláveis da biomassa

A BASF Digital Farming GmbH, em parceria com a VanderSat, serão as primeiras empresas a oferecer comercialmente para os agricultores o acesso a imagens diárias e escaláveis da biomassa, sem interferência da cobertura de nuvem.

41º Congresso de Pesquisas de Café vai ser em Poços de Caldas

O tradicional Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras, em sua 41ª edição, vai acontecer de 27 a 30 de outubro de 2015, em Poços de...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!