23.3 C
São Paulo
terça-feira, julho 5, 2022
- Publicidade -
-Publicidade-
Inicio Revistas Grãos KWS Sementes dobra sua capacidade de produção

KWS Sementes dobra sua capacidade de produção

 

Crédito KWS Sementes

Com um investimento total de US$ 11,5 milhões (cerca de €10 milhões) a KWS está investindo em sua capacidade anual de produção de milho partindo de 900.000 sacos para mais de dois milhões de unidades. “Isto claramente demonstra a importância que conferimos ao mercado brasileiro no longo prazo“, diz Hagen Duenbostel, membro do Comitê Executivo da KWS e responsável pelo mercado de milho. A nova planta de sementes começará a operar no início de 2019.

Com uma área de cultivo de milho de aproximadamente 15 milhões de hectares, o Brasil é o terceiro mercado de sementes de milho após os Estados Unidos e a China (cada um com aproximadamente 36 milhões de hectares de milho). “Nós acreditamos no imenso potencial de crescimento do Brasil e estamos nos preparando para melhor atender este mercado no longo prazo. Acreditamos que a área de cultivo de milho no Brasil irá aumentar para mais de 20 milhões de hectares nos próximos oito a dez anos“, complementa Duenbostel.

A KWS Sementes opera no Brasil desde 2012, quando a empresa, com sede em Einbeck, adquiriu a Riber, uma empresa brasileira produtora de sementes. Desde então, a KWS tem crescido no mercado de milho aumentando seu marketshare de 3% para aproximadamente 7% no ano passado e hoje é a quinta empresa produtora de sementes no mercado de milho. “Estamos muito otimistas e acreditamos que podemos crescer neste mercado até no mínimo 15%“, afirma Duenbostel. “Nossa nova unidade é um importante passo para esse resultado, e será em Patos de Minas, no interior mineiro, a 300 km da capital Brasília“.

 

Estratégia

 

Outros componentes da estratégia da KWS para o Brasil são os novos traits de biotecnologia que protegem as plantas contra insetos lepidópteros. “Vamos equipar nossos produtos com os traits mais novos e mais competitivos do mercado, oferecendo as melhores opções e disponibilizando as soluções ideais para o produtor brasileiro“ afirma Duenbostel.

A KWS Sementes também vai oferecer vários novos híbridos com alta performance produtiva a médio prazo: “A KWS tem uma linha de novos produtos para ser lançada nos próximos anos. Nossos progressos em melhoramento e o avanço em vendas nos deixa confiantes que seremos uma das empresas líderes do mercado no médio a longo prazo“.

Duenbostel ainda complementa: “Como uma empresa líder em inovação, também queremos ser reconhecidos como um time e uma empresa com valores, tradição e cultura brasileira. Nossos investimentos no Brasil, assim como em outros países, têm foco de longo prazo. Como uma empresa internacional de visão futura, a KWS acredita que a agricultura sempre será um dos principais pilares da economia brasileira“.

 

Essa matéria completa você encontra na edição de dezembro de 2018 da Revista Campo & Negócios Grãos. Adquira o seu exemplar para leitura completa.

Inicio Revistas Grãos KWS Sementes dobra sua capacidade de produção