14.3 C
Uberlândia
segunda-feira, julho 15, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosGrãosLonza marca presença em evento global de Biodefensivos

Lonza marca presença em evento global de Biodefensivos

Fotos Ana Maria Diniz
Fotos Ana Maria Diniz

A Lonza, empresa multinacional suíça, que completa em 2017 seus 120 anos de fundação, esteve presente no congresso mundial “Biocontrol LATAM 2106“. Antes da abertura do evento, a Lonza ofereceu um almoço privativo para empresas referência no segmento, contando com a presença de presidentes, diretores e gerentes ligados às áreas técnicas, comerciais e novos desenvolvimentos.

No almoço, conta Leandro Scaranello, assessor de Marketing e Vendas da Lonza Agro Ingredients, os convidados tiveram a oportunidade de ouvir um pouco sobre a empresa e como ela pode contribuir com produtos e serviços ligados ao setor.

A apresentação foi conduzida pelo Dr. Michael Helwig, diretor global de desenvolvimento de novos produtos da Lonza, no segmento de Agro Ingredients, que fica sediado em Basel, na Suíça.

Michael é phD em bioquímica, trabalha na Lonza há quase 30 anos, e é responsável pelo desenvolvimento de novos produtos ligados à fermentação e síntese bioquímica. Além disso, é presidente do Grupo AIME (Fabricantes de Agroquímicos e Intermediários da Europa), desde 2013.

Além de participar do almoço, Michael também ministrou uma palestra no evento, no dia 17 de novembro. O assunto abordado na palestra foi: “Serviço de fermentação em grande escala e expertise regulatória: Apoio local e global para a indústria de Biodefensivos“.

Foto 02

Temas

Dentre os assuntos abordados, Michael iniciou expondo o crescimento da chamada ‘Biotecnologia Branca’, que é a área da biotecnologia empregada em indústrias químicas. Com base neste crescimento, foi explanada e ilustrada toda a tecnologia da empresa para atender a demanda que vem dos clientes, podendo ser desde etapas iniciais, como o melhoramento genético dos microrganismos, passando pelo desenvolvimento de processo de produção, projeto piloto, produção em maior escala e etapas de registro e comercialização.

Para atender toda esta demanda, a Lonza conta com duas plantas, sendo uma em Visp, na Suiça, que presta o serviço nas etapas iniciais do processo, como melhoramento genético dos microrganismos, desenvolvimento de bioprocessos e formulação. A segunda planta, que fica em Kourlim, na República Tcheca, realiza as etapas finais do processo, como a produção em pequena escala e produção piloto, e a última etapa do processo, que é a manufatura e processos regulatórios.

Destaque

Michael relatou que mesmo após desenvolvida a tecnologia, o suporte da Lonza continua sendo benéfico para o cliente. Ele relatou um caso de redução de tempo de ciclo pela metade, ponto extremamente importante para o processo de produção, que gera redução de custos e maior capacidade de fabricação.

O palestrante finalizou apresentando a expertise em assuntos regulatórios e que muitos clientes procuram a Lonza, principalmente por ser uma empresa que tem mais de 30 anos de experiência em processos de fermentação.

Além do almoço e da apresentação no congresso, a Lonza esteve presente entre os expositores, no estande da ABC Bio, associação da qual a Lonza faz parte, que contribuiu muito para garantir o sucesso de todo o evento.

Essa matéria você encontra na edição de dezembro 2016 da revista Campo & Negócios Grãos. Adquira já a sua.

 

ARTIGOS RELACIONADOS

Algas marinhas com inoculante aumentam floração e absorção de nitrogênio na soja

Tiago Henrique Costa Silva Mestrando em Proteção de Plantas " Instituto Federal Goiano " Urutaí (GO) tiago@agronomo.eng.br A aplicação de algas marinhas associadas ao inoculante traz grandes...

Trigo: Lucratividade depende da escolha da cultivar

  Acertar na escolha da cultivar de trigo pode representar mais lucro para o produtor. Este foi o recado transmitido pela pesquisadora da Fundação Pró-Sementes,...

Rigrantec com soluções completas para a lavoura

Rigrantec marca presença na Hortitec com muitas novidades

Como manter bananais livres de doenças?

AutoresGlaucio da Cruz Genuncio Doutor e professor de Fruticultura – Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT) glauciogenuncio@gmail.com Elisamara Caldeira do Nascimento Doutora e professora...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!