27.7 C
São Paulo
sábado, maio 21, 2022
- Publicidade -
-Publicidade-
Inicio Eventos Mercado de Insumos Agrícolas Ilegais

Mercado de Insumos Agrícolas Ilegais

Crédito Divulgação

A Escola de Segurança Multidimensional (ESEM) da Universidade de São Paulo e a CropLife Brasil, em parceria com o Ministério da Justiça e Segurança Pública do Brasil, acabam de anunciar o lançamento do 1.o Curso EAD de Introdução aos Mercados de Insumos Agrícolas Ilegais.

O curso EAD de Introdução aos Mercados de Insumos Agrícolas Ilegais oferece formação profissional continuada a policiais e agentes de segurança pública e privada que atuam em regiões de produção, circulação e comercialização de insumos agrícolas ilegais. O objetivo central é que o concluinte esteja mais qualificado para atuar na investigação, persecução e controle destes mercados ilegais. 

Uma equipe de 16 instrutores, composta por profissionais pertencentes à Academia, Setor Privado e Instituições de Segurança Pública, apresentará um panorama geral sobre estes mercados ilícitos e como identificá-los e combatê-los. Serão abordados temas diversos, como: a estrutura regulatória de insumos agrícolas no cenário brasileiro e internacional; tipificação penal e cooperação interagências; técnicas para identificação de transporte e comercialização de produtos agrícolas ilegais; e métodos de falsificação, contrabando, roubo e furto de insumos.

A iniciativa é composta por videoaulas, plantões de dúvidas e estudos de casos. Os alunos ainda receberão uma apostila exclusiva, que contará com artigos produzidos pelos instrutores, com aprofundamento dos temas estudados durante as aulas. Serão 15 horas totais de atividades, realizadas entre a segunda semana de julho e a primeira semana de agosto de 2022.

Cenário dos ilegais no Brasil
 

1.o Curso EAD de Introdução aos Mercados de Insumos Agrícolas Ilegais chega em um momento de avanço dos ilícitos envolvendo insumos agrícolas no País. Segundo o estudo “O mercado ilegal de defensivos agrícolas no Brasil”, realizado pelo Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social de Fronteiras (Idesf), o contrabando de defensivos agrícolas causa um prejuízo de aproximadamente R$ 20 bilhões de reais por ano. 

“Além da questão econômica, os produtos dos mercados ilegais não possuem procedência segura e colocam em risco a saúde dos agricultores e da sociedade em geral e o meio ambiente”, explica Nilto Mendes, um dos instrutores do programa e Gerente do Comitê de Combate a Produtos Ilegais da CropLife Brasil.

Para Christian Lohbauer, presidente executivo da CropLife Brasil e instrutor do curso, combater a ilegalidade é essencial para manter o agronegócio brasileiro pujante e respeitado em todo o mundo. “Os mercados ilegais de insumos agrícolas são prejudiciais não só para a reputação do País, mas também para as nossas exportações, que podem ser comprometidas com a presença de produtos fora dos padrões aceitos pelos regulatórios internacionais”, finaliza.

Serviço:

Sobre a CropLife Brasil: 

A CropLife Brasil (CLB) é uma associação que reúne especialistas, instituições e empresas que atuam na pesquisa e desenvolvimento de tecnologias em quatro áreas essenciais para a produção agrícola sustentável: germoplasma (mudas e sementes), biotecnologia, defensivos químicos e produtos biológicos. Criada em 2019, a organização é resultado da união de entidades que antes representavam cada um destes setores individualmente. Agora, a CLB agrega em uma única plataforma a experiência e o histórico de associações que por décadas lideraram as discussões sobre inovação na agricultura.


Informações à Imprensa:

Hill + Knowlton Brasil

Gisele Gomes | + 55 11 99103-0946  

Thiago Salles | +55 11 95602-8627  croplifebrasil@hkbrasil.com.br 

Inicio Eventos Mercado de Insumos Agrícolas Ilegais