23.3 C
São Paulo
terça-feira, julho 5, 2022
- Publicidade -
-Publicidade-
Inicio Revistas Hortifrúti Microaspersão - Soluções para a crise hídrica

Microaspersão – Soluções para a crise hídrica

Crédito Nortène
Crédito Nortène

As mangueiras Santeno são planas, feitas com polietileno linear perfuradas a raio laser (maior precisão) para garantir a uniformidade dos emissores e a eficiência na irrigação. Entre as vantagens, Matheus Nitta, consultor técnico e engenheiro agrônomo da Nortene destaca a maior eficiência de irrigação – em torno de 90% – e a uniformidade na irrigação.

A distribuição da água é feita com jatos bem finos que não causam erosão, contribuindo para melhorar a germinação e manter a integridade dos canteiros.

Matheus Nitta afirma que o custo de implantação e manutenção dessas mangueiras é baixo comparado aos demais sistemas de irrigação. “A mangueira Santeno é prática e simples para a instalação, sem a necessidade de realizar furos ou adição de peças de irrigação“, esclarece.

Todas as hortaliças folhosas podem utilizar essa mangueira, desde alface, repolho, cebolinha, cenoura, beterraba, fruticultura, até café, fumo e seringueira.

No que diz respeito ao consumo de energia, por funcionarem com pressão de trabalho muito baixa (pressão de serviço de 0,2 a 0,8 kgf/cm²), a mangueira Santeno leva muita vantagem quando comparada a outros métodos de irrigação, pois não necessita de bombas de alta potência e reduz gastos com energia elétrica para o funcionamento do sistema de irrigação.

“Com a crise hídrica a microaspersão seria uma alternativa ideal para a redução de desperdícios de irrigação e aumento de eficiência na irrigação“, conclui Matheus Nitta.

Essa matéria completa você encontra na edição de maio da revista Campo & Negócios Hortifrúti. Adquira a sua para leitura integral!

 

Inicio Revistas Hortifrúti Microaspersão - Soluções para a crise hídrica