23.3 C
São Paulo
quarta-feira, julho 6, 2022
- Publicidade -
-Publicidade-
Inicio Revistas Hortifrúti Mulching reduz a podridão do morango

Mulching reduz a podridão do morango

 

Bernardo Ueno

Pesquisador na área de Fitopatologia da Embrapa Clima Temperado

bernardo.ueno@embrapa.br

 

Crédito Shutterstock
Crédito Shutterstock

O mulching é a tecnologia usada para cobertura de canteiros de morangueiro com a finalidade de proteger o solo, manter a umidade, melhorar o aproveitamento de fertilizantes e qualidade do solo, reduzir infestação de plantas daninhas, evitar o contato direto do morango com o solo, entre outras coisas.

O material mais usado hoje em dia são os filmes plásticos, mas também podem ser feitos com coberturas vegetais mortas, como palhas (ex. aveia, trigo, arroz), bagaço de cana-de-açúcar, casca de arroz, acícula de pinus, entre outros.

Sem dúvida, com a popularização do uso de filmes plásticos na agricultura, a cultura do morangueiro teve um salto tecnológico grande, sendo hoje no Brasil, uma das culturas que mais consome o plástico no seu sistema de cultivo, pois, além do mulching, ele é usado para a cobertura da cultura na forma de túneis (baixo ou alto), no sistema de irrigação localizada pelo uso de fitas de gotejo.

Opções

O mulching proporciona frutos de morango de melhor qualidade e mais limpos - Crédito Bernardo Ueno
O mulching proporciona frutos de morango de melhor qualidade e mais limpos – Crédito Bernardo Ueno

Os tipos de plásticos usados são basicamente filmes plásticos de cor preta (mais usado), de duas cores, sendo uma face branca e outra preta, ou face preta e prata. O filme plástico de cor preta pode aumentar a temperatura do solo na profundidade de 5 cm em torno de 3°C em relação ao solo descoberto, sendo mais recomendado para regiões ou épocas mais frias.

Já o filme plástico de cor branca é melhor para regiões ou épocas mais quentes, pois evita que o aquecimento da superfície do plástico queime os frutos e folhas, além de refletir melhor a luz, aumentando a fotossíntese da planta. O filme plástico de cor prata tem efeito intermediário, entre o preto e o branco, em relação à temperatura, além de ser repelir insetos como pulgão.

Vantagens

O uso do plástico para mulching na cultura do morangueiro pode trazer os seguintes benefícios:

ü Antecipação da época de colheita;

ü Maior produtividade;

ü Frutos de morango de melhor qualidade e mais limpos;

ü Melhor aproveitamento de insumos (água, fertilizantes, mão de obra, etc.);

ü Redução na lixiviação de fertilizantes, especialmente em solos mais arenosos;

ü Melhor aproveitamento de fertilizantes aplicados via tecnologia de fertirrigação;

ü Redução de erosão de solo pelo vento e água;

ü Redução de perdas por doenças;

ü Facilita o manejo de insetos-pragas;

ü Elimina o problema com plantas daninhas;

ü Reduz a compactação do solo.

Contra plantas daninhas

O mulching com filme plástico reduz muito a necessidade de controle de ervas daninhas, já que o seu uso no canteiro impede seu o desenvolvimento na cultura do morangueiro. Sendo assim, o controle de plantas daninhas deve ser feito somente quando há o surgimento delas ao redor da planta de morangueiro ou no carreador entre os canteiros e em volta da lavoura.

No carreador pode-se usar cobertura morta como palhas, casca de arroz, acícula de pinus para reduzir a necessidade de controle de plantas daninhas. Além disso, a presença desse tipo de mulching contribui para reduzir o impacto de gotas de chuvas, erosão do solo, entre outras coisas.

O mulching de filme plástico diminui, também, a pressão de doenças, pois mantém o fruto de morango mais limpo, evita o contato direto com partículas de solo, melhora a circulação de ar entre as plantas, reduz o tempo de molhamento da planta, mantendo as folhas e os frutos mais secos, não favorecendo assim a infecção por fungos.

Cabe lembrar que quanto maior for o tempo de molhamento foliar, maior é a chance de sucesso do esporo do fungo conseguir germinar e infectar o tecido da planta.

Técnica

A construção de canteiros mais altos associado ao uso de mulching com filme plástico permite a melhor circulação de ar no dossel da planta, promove a secagem mais rápida das plantas do orvalho matinal e após as chuvas, reduzindo, consequentemente, a duração de condições de umidade favorável ao estabelecimento de doenças nas folhas e frutos.

Os canteiros mais altos melhoram a drenagem de água do solo, reduzindo as condições para o surgimento de doenças de solo causadas por diversos fungos, principalmente por Phytophthora spp., Rhizoctonia solani, Verticillium spp.

O uso de mulching com filme plástico tem um desempenho bem melhor quando a esta tecnologia está associado o uso de cobertura plástica (túnel) e sistema de irrigação localizada por gotejamento, principalmente em relação ao manejo de doenças.

Doenças como a antracnose em flores e frutos (Colletotrichum spp.) aumentam muito quando somente se usa o mulching de filme plástico, principalmente quando o sistema de irrigação é por aspersão ou há ocorrência de chuvas intensas, porque o plástico não absorve o impacto das gotas de água, como acontece quando se usa a cobertura com palha vegetal, favorecendo assim a disseminação dos esporos do fungo.

Isso vale também para outras doenças do morangueiro que tenham o mesmo tipo de disseminação. Portanto, o ideal é que no sistema de produção com mulching e filme plástico se use o sistema de irrigação localizada por gotejamento.

A cobertura plástica, túnel baixo ou alto, é importante para reduzir o efeito da chuva sobre as plantas, diminuindo as condições que favorecem o estabelecimento das doenças no morangueiro, além de reduzir o número de aplicação de fungicidas na cultura.

Inicio Revistas Hortifrúti Mulching reduz a podridão do morango