18.1 C
São Paulo
quinta-feira, agosto 11, 2022
-Publicidade-
Inicio Revistas Hortifrúti O estande uniforme de batatas - Como alcançar?

O estande uniforme de batatas – Como alcançar?

Douglas José Marques

Professor de Olericultura, Genética e Melhoramento Vegetal da Universidade José do Rosário Vellano (Unifenas)

douglas.marques@unifenas.br

Hudson Carvalho Bianchini

Professor de Fertilidade do Solo daUnifenas

 

Crédito Luize Hess
Crédito Luize Hess

No Brasil a cultura da batata tem grande importância socioeconômica pelo enorme potencial na geração de emprego e renda, tanto no setor agrícola como nos demais segmentos de sua cadeia. O Estado de Minas Gerais é o maior produtor nacional, e nas regiões do Sul de Minas, Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba é onde se observam os maiores avanços tecnológicos e administrativos, o que torna a maioria dos produtores bastante eficiente no manejo da cultura.

A cultura da batata é uma atividade que exige alto investimento, sendo considerada de alto risco devido às grandes oscilações de preço de venda, além de a cultura ser altamente sujeita às variações climáticas.

A batata-semente é o principal insumo e o fator que mais pode elevar o custo de produção em qualquer tipo de cultivo, sendo considerado um dos meios mais eficazes de transferência de tecnologias, porém, podendo ser também um fator de contaminação do meio com patógenos e pragas.

A maioria das cultivares utilizada é pouco tolerante ao calor, o que reduz a produtividade e confere menor teor de matéria seca aos tubérculos, dificultando o processamento industrial, no caso de batata pré-frita, em razão da suscetibilidade da maioria das cultivares ao PVY, virose causada por vetores.

Uniformidade x produtividade

A batata tem como importante fonte alimentar os seus tubérculos. As razões que justificam essas altas produções fundamentam-se no conhecimento ecofisiológico da cultura, proporcionando um eficiente manejo em suas diferentes fases fenológicas.

A formação de tubérculos de batata é acompanhada por alterações morfológicas e bioquímicas na planta, sendo que o início da tuberização é caracterizado pela paralisação do crescimento longitudinal e consequente crescimento radial da extremidade do estolão.

O controle do crescimento e do desenvolvimento depende da ação dos genes das células vegetais, sendo também influenciado por diversos fatores ambientais, tais como luz, água, nutrientes minerais e temperatura.

Temperaturae fotoperíodo

O clima desempenha um papel importante na produção da batata. As culturas mais produtivas encontram-se nas regiões ou estações em que prevalecem temperaturas baixas. As temperaturas ideais situam-se na faixa de 20 ” 25ºC durante o dia e 10 ” 16ºC durante a noite.

O fotoperíodo influencia vários processos fisiológicos durante o desenvolvimento da batata, especialmente o crescimento das ramas, estolões, floração e a tuberização.

A produção de tubérculos está na dependência do crescimento dos estolões, que é favorecido por dias longos. Sob condições de dias curtos, a tuberização da batata é consideravelmente reduzida, prejudicando a produção.

A caminho da uniformidade

Como o comércio da batata é uma atividade muito dinâmica e que apresenta constantemente flutuações no preço final, o produtor deve fazer primeiro uma análise do mercado da região e escolher as áreas com aptidão para o cultivo da cultura que atendam às exigências ecofisiológicas.

É importante, também, fazer uso racional da adubação, evitando quantidades excessivas, pois este é um dos fatores que mais aumenta o custo final da lavoura. Outro fator de extrema importância é a escolha de cultivares adaptadas às condições tropicais do nosso País.

Essa matéria você encontra na edição de outubro 2017  da revista Campo & Negócios Hortifrúti. Adquira já a sua.

Inicio Revistas Hortifrúti O estande uniforme de batatas - Como alcançar?