18.1 C
São Paulo
quinta-feira, agosto 11, 2022
-Publicidade-
Inicio Revistas Hortifrúti Pendoamento precoce da alface. E agora?

Pendoamento precoce da alface. E agora?

 

Pablo Forlan Vargas

Doutor e professor da UNESP ” Campus de Registro

pablo@registro.unesp.br

Leonardo dos Santos Duarte

Amanda Chiarion Zecchini

Graduandos em Engenharia Agronômica

Pendoamento da alface - Crédito Luciane Vilela
Pendoamento da alface – Crédito Luciane Vilela

Os fatores climáticos podem interferir de forma favorável ou desfavorável na produção de hortaliças. Temperaturas elevadas associadas à alta pluviosidade podem levar o alfacicultor a perdas de até 60% em decorrência da maior umidade relativa.

O pendoamento precoce induzido pelas altas temperaturas e fotoperíodo longo agrava o problema de perdas no verão, refletindo diretamente no preço e na oferta do produto no mercado, devido à maior demanda de consumo nesse período.

Quando a cultura é conduzida dentro de uma variação ótima de luz, entre outros fatores positivos, a fotossíntese é elevada e a quantidade de matéria seca acumulada é alta. Porém, se exposta a condições de estresse, como as altas temperaturas, a alface tende a reduzir seu ciclo, comprometendo a produção e tornando as folhas mais rígidas.

Condições para o pendoamento

As elevadas temperaturas e fotoperíodos longos estimulam o pendoamento precoce, que é intensificado à medida que essa aumenta, causando uma característica indesejável, já que inviabiliza o produto para comercialização.

Temperaturas entre 12 e 22ºC são ideais para a produção de folhas e cabeças de qualidade. Dependendo da cultivar, temperaturas superiores a 20ºC favorecem o florescimento precoce, antecipando a colheita.

Consequências

O pendoamento precoce provoca o alongamento do caule, reduz o número de folhas, afeta a formação da cabeça comercial e estimula a produção de látex, o que torna o sabor da folha amargo, resultando na colheita de plantas ainda pequenas, com menor peso e número de folhas, de má qualidade, não expressando, portanto, o seu máximo potencial genético, comprometendo a produção.

 

Opções

O uso de variedades resistentes ao pendoamento precoce é uma das alternativas para se viabilizar o cultivo ao longo do ano. No mercado, estão disponíveis cultivares de diversas empresas, visando resistências não somente ao pendoamento, como também a outros fatores.

Outra alternativa para evitar o pendoamento precoce é a utilização do ambiente protegido com o emprego de telados, proporcionando um microclima favorável para o desenvolvimento da cultura, na busca por reduzir prejuízos econômicos ao produtor e aumentar a qualidade do produto.

Porém, esta tecnologia deve vir juntamente com a escolha do genótipo para melhor expressão do seu potencial genético e contribuir com a melhoria da produção e qualidade da planta em condições de alta temperatura e fotoperíodos longos.

Essa matéria você encontra na edição de agosto da revista Campo & Negócios Hortifrúti. Adquira a sua.

Inicio Revistas Hortifrúti Pendoamento precoce da alface. E agora?