29.3 C
Uberlândia
sexta-feira, julho 12, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioNotíciasPolímeros biodegradáveis devem acumular receita superior a US$23,6 bilhões até 2029

Polímeros biodegradáveis devem acumular receita superior a US$23,6 bilhões até 2029

Foto: Freepik

Segundo pesquisas recentes da plataforma Exactitude Consultancy, espera-se que o mercado global de polímeros biodegradáveis cresça a um CAGR (Taxa de crescimento anual composta) de 14,4%, no intervalo entre 2020 e 2029. Os dados projetam que o nicho acumule mais de 23,6 bilhões de dólares até 2029. No Brasil, esse cenário de expansão já é uma realidade, uma vez que grande parte das marcas do setor agropecuário visam desenvolver seus polímeros de modo a preservar o ecossistema.

Para Francisco Carvalho, diretor comercial da Hydroplan – EB, indústria do nicho, é vital que haja uma preocupação não somente no desenvolvimento das fórmulas em questão, mas no impacto que seu uso causará. “Temos aditivos que proporcionam, inclusive, uma evaporação menor da água contida no solo ou utilizada na irrigação de salvamento”, explica. “Desse modo, asseguramos a preservação da região, sem causar impacto em seu equilíbrio hídrico e natural”, acrescenta.

O especialista utiliza como exemplo o HYB PLUS. Produto lançado recentemente, indicado para as atividades de plantio e transplante de mudas.

Produto contém aditivos que promovem o enraizamento e um melhor “pegamento” das mais diversas mudas.

A partir dessa propriedade, aprimora-se o desenvolvimento inicial das plantas, bem como corrobora com a diminuição das atividades de replante.

O aumento dos níveis de nitrogênio, carbono orgânico e enzimas que reduzem os níveis de estresse fisiológico, causado pelo transplante, são benefícios. Ele adiciona que, como no caso do HYB PLUS, um bom polímero fornece uma cadeia de aminoácidos junto com ácidos orgânicos de primeira linha, condição necessária para que a planta tenha um desenvolvimento inicial rápido e vigoroso, estimulando o seu enraizamento e crescimento dos meristemas.

Vale adicionar como última propriedade a presença de minerais estratégicos na formulação. Esse composto atua como um condicionador de solos permanente, proporcionando melhor retenção de água e nutrientes que, posteriormente, serão liberados junto à planta, melhorando o ambiente na zona da rizosfera.

Esses avanços são especialmente relevantes em um contexto onde a sustentabilidade e a eficiência no uso de recursos naturais se tornam cada vez mais importantes. Com a crescente conscientização ambiental e a busca por práticas agrícolas mais sustentáveis, os polímeros representam uma inovação que não apenas atende às demandas do mercado, mas também contribui para a preservação do meio ambiente.

A adoção desses materiais pelas indústrias agrícolas demonstra um compromisso com a redução do impacto ambiental e a promoção de práticas que assegurem a saúde do solo e a produtividade a longo prazo.

Além disso, a integração de tecnologias avançadas e aditivos nutricionais nos polímeros, oferece um potencial significativo para otimizar os processos agrícolas. Produtos como o HYB PLUS, que combinam propriedades de retenção de água e nutrientes com estímulos ao crescimento das plantas, exemplificam como a inovação pode transformar a agricultura. Essa combinação de sustentabilidade e eficiência não só melhora a produtividade, mas também contribui para a preservação dos sistemas agrícolas frente às mudanças climáticas.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!