25.6 C
Uberlândia
quinta-feira, junho 13, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioNotíciasPor que Minas Gerais é o maior produtor de energia solar do...

Por que Minas Gerais é o maior produtor de energia solar do Brasil?

Pixabay

Recentemente, o Brasil entrou para o ranking dos 15 maiores produtores globais de energia solar após ultrapassar 13 GW de capacidade instalada em 2021, de acordo com dados da Agência Internacional de Energia Renovável (Irena). Atualmente, o país já conta com quase 15 GW de geração fotovoltaica e a Absolar prevê que serão adicionados mais 12 GW de potência em 2022. De acordo com as estimativas, a capacidade de geração fotovoltaica no Brasil vai crescer cerca de 90% este ano.

Um dos estados que mais produz energia por meio da fonte no país é Minas Gerais, que em 2021 alcançou a marca histórica de 2 gigawatts (GW) de capacidade fotovoltaica em operação, sendo 631,16 megawatts(MW) de geração centralizada e 1.384,21 megawatts de geração distribuída. Entretanto, uma grande dúvida é: por qual motivo o estado se destaca tanto na produção de energia solar?

De acordo com a SolarVolt Energia, maior integradora solar de Minas Gerais e uma das principais do país, o estado ganha protagonismo nessa questão principalmente por conta da alta incidência solar em quase todo seu território na maior parte do ano e uma grande área de concessão da Cemig que tem 8,5 Milhões de consumidores. Além disso, o Governo do estado também oferece alguns benefícios fiscais como a isenção de ICMS da energia injetada na rede e o licenciamento ambiental simplificado para usinas de até 10 MW que facilitam a instalação desses empreendimentos.

Segundo a integradora, os altos números relacionados ao uso de energia solar começaram a subir quando Minas eliminou a dupla tributação sobre equipamentos ligados à fonte. O estado foi o primeiro a fazer isso no Brasil. Fora isso, ao longo do tempo, o Governo estadual também implementou alguns incentivos à energia renovável, como o Projeto Sol de Minas, por exemplo.

O programa é uma iniciativa estratégica que visa à diversificação da matriz energética a partir do aumento de projetos de geração de energia fotovoltaica juntamente com a atração de empresas fornecedoras de bens e serviços para o setor. O projeto se compromete a realizar diagnósticos da legislação pertinente de forma a simplificar a implantação de investimentos em energia fotovoltaica, atraindo negócios sustentáveis e fomentando a criação de empregos verdes na região.

“Fora todas essas questões citadas anteriormente, Minas Gerais é um estado que aderiu à campanha mundial Race to Zero, para zerar emissões de carbono até 2050 e para atingir esse objetivo o governo já afirmou estar criando ações para neutralizar a emissão de gases de efeito estufa e para fomentar o desenvolvimento sustentável regional. Isso faz com que o território avance em relação a outros estados”, afirma Gabriel Guimarães, sócio-fundador e diretor Comercial da SolarVolt Energia.

ARTIGOS RELACIONADOS

Exportações do agro mineiro batem novo recorde no período de janeiro a abril

O desempenho das vendas externas do setor, no primeiro quadrimestre de 2024, foi o melhor da série histórica para o intervalo, com US$ 5 bilhões

Bananicultura é opção para diversificar a agropecuária no leste de MG

Um projeto voltado para o cultivo de banana busca viabilizar a diversificação da agropecuária no município de Conselheiro Pena, no Leste de Minas. Dezoito...

Energia solar se torna solução no agronegócio

Gerar energia elétrica nas propriedades rurais, por meio da captação da luz do sol, é uma alternativa ecologicamente correta que reflete em redução de...

Tecnologia digital – O futuro chega ao campo

Estamos vivendo uma nova revolução de valores e de requisitos para a sustentabilidade. O Agro 4.0 já é realidade nos ecossistemas de inovação e em parte do agronegócio, com franca expansão no Brasil. Neste cenário, a tecnologia digital é essencial, tanto para o monitoramento no campo como no aproveitamento das informações (Big Data) para a tomada de decisões com suporte em ampla base de conhecimento (data analysis), no funcionamento de equipamentos e implementos inteligentes (IoT + IA) e no tratamento de imagens coletadas e transmitidas em tempo real (5G).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!