28.8 C
Uberlândia
quinta-feira, julho 18, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioNotíciasPrimeiro hub de inovação do ecossistema agro de Londrina (PR)

Primeiro hub de inovação do ecossistema agro de Londrina (PR)

Com investimentos privados de R$ 600 mil, o Cocriago é o primeiro hub da Agro Valley, ecossistema de inovação de Londrina, e em cerca de dois meses de atividades já reúne 25 startups, empresas, cooperativas, institutos de pesquisas e a Sociedade Rural do Paraná (SRP) em suas atividades.

Localizado no único ecossistema de inovação do agronegócio reconhecido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o hub atua na conexão de empresas e cooperativas tanto com startups, como com grupos de pesquisa. “Além disso, temos uma atuação na área de inteligência para inovação aberta, com processos de gestão.  Nosso foco é levar a inovação para o campo”, explica George Hiraiwa, head de relações institucionais do Cocriagro.

O prédio do Cocriagro está em fase de reforma, nas dependências do Parque Tecnológico da Sociedade Rural do Paraná (SRP Valley), onde já está instalada a Smart Farm do hub.  “Na nossa Smart Farm as startups podem validar as tecnologias na prática e no campo, e usar os resultados como uma vitrine tecnológica. Já estamos preparando a safra 2021/2022, com a plantação de soja orgânica que conta com tecnologia de sete das startups do hub”, conta Hiraiwa.

O Cocriagro terá um espaço físico de 650m², composto por áreas compartilhadas para startups, estações de trabalho, auditório para 45 pessoas, sala de reuniões para 22 pessoas, área de convivência, baias com espaços rotativos para 26 startups e salas para empresas. Além disso, terá um espaço compartilhado somente para as cooperativas.

As atividades do hub são suportadas por um grupo de parceiros composto pelos partners Inquima, Cooperativa Integrada e Sicredi, pelos parceiros Coamo, Sicoob, Baldan, Belagricola, Fairfax, TMG, Bayer e AGCO e pelos institutos de pesquisa Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz (Fealq), Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação do Senai Londrina (IST TIC Senai) e Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR-PR).

Startups

O hub atua em duas grandes frentes com as startups, as que estão em fase inicial têm apoio na validação tecnológica. “Para isso, contamos com o apoio de produtores, empresas e cooperativas, além de campos experimentais parceiros e nossa Smart Farm. Ainda nessa fase, se a startup precisar de apoio, conectamos com institutos de pesquisas parceiros”, orienta Hiraiwa.

Já se a startup está mais madura, o Cocriagro atua na conexão com cooperativas, produtores e empresas com uma finalidade de apresentação comercial. Assim, essas instituições podem conhecer as agtechs e atuar em iniciativas de inovação aberta, além de adquirir seus produtos e serviços. 

Entre as agtechs conectadas ao hub, há iniciativas voltadas para bem-estar animal, receituário agronômico, IoT na piscicultura, tratamento de sementes, insumos biológicos, barter, seguro rural, conexão de máquinas agrícolas, telemetria, comercialização online de insumos e homeopatia vegetal.

ARTIGOS RELACIONADOS

FIAGRO: evento gratuito aborda benefícios para o agronegócio

As vantagens do FIAGRO e como obter fundos para usar no negócio são alguns dos assuntos que serão abordados.

Agronegócio e produção de veículos são os responsáveis por números positivos da Indústria

De acordo com dados que acabam de ser divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Paraná terminou o ano de 2020 com saldo positivo na produção industrial.De acordo com dados que acabam de ser divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Paraná terminou o ano de 2020 com saldo positivo na produção industrial.

Gestão tecnológica da água será principal ferramenta do agronegócio

A gestão do uso da água será prioridade máxima e primordial na agenda dos produtores ..

Inscreva a sua startup na Plataforma AgroStart da BASF

Se você quer empreender no agro já deve ter ouvido falar do AgroStart.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!