23.3 C
São Paulo
terça-feira, julho 5, 2022
- Publicidade -
-Publicidade-
Inicio Destaques Racionalização de fertilizantes e diferentes usos da soja

Racionalização de fertilizantes e diferentes usos da soja

Foto: Andrea Vilardo

A Embrapa Soja participa da 60ª Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina (Expo Londrina 2022), a ser realizada de 1º e 10 de abril, no Parque de Exposições NeyBraga, em Londrina (PR), promovendo um debate sobre o uso racional no uso de fertilizantes, realizando três sobre práticas sustentáveis para sojicultura, além de apresentar informações sobre a coleção de 55 mil tipos de soja conservados no banco de germoplasma da Embrapa e os diferentes usos dessa oleaginosa. Outro destaque será a participação da Embrapa no Hackathon Smart Agro 2022.

 “A Embrapa Soja tradicionalmente participa da ExpoLondrina – por sua relevância para o Paraná – fomentando debates para os sistemas de produção em que a soja está inserida”, ressalta o chefe-geral da Embrapa Soja Alexandre Nepomuceno. “Também procuramos fortalecer nossas parcerias para que as ações de transferência de tecnologias que impactam o agronegócio,sejam adotadas de forma mais rápida pelos agricultores, a exemplo do trabalho desenvolvido em conjunto com o Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR-PR (IDR-PR), cujos resultados serão demonstrados na Via Rural (Fazendinha). Além disso, procuramos apoiar diferentes ações promovidas pela Sociedade Rural do Paraná, estimulando a participação dos nossos pesquisadores como mentores do Hackathon Smart Agro, entre outras ações conjuntas”, destaca.

Painel sobre racionalização de fertilizantes – O uso racional de fertilizantes em tempos de crise será o tema central de um painel que a Embrapa Soja irá promover no dia 6 de abril, às 16h, no pavilhão SmartAgro, Expo Londrina2022. Só para citar um exemplo, quase 100% do potássio, um dos principais nutrientes utilizados para produzir soja, é importado pelo Brasil. Essa dependência externa impacta diretamente na produção de soja, uma vez que para cada tonelada de soja produzida são exportados ao redor de 18 kg de potássio. O debate tem gerado muitas discussões, especialmente, pela crise provocada pelo conflito entre Rússia e Ucrânia, que são exportadores de fertilizantes.

Oficinas na Via Rural (Fazendinha) – A Embrapa Soja, em parceria com o IDR-PR irá demonstrar tecnologias para as culturas do girassol, feijão, braquiária, plantas de cobertura na Via Rural – Fazendinha. Na Fazendinha também serão promovidas três oficinas técnicas, dirigida a produtores e assistência técnica. A primeira oficina terá como tema o Manejo Integrado de Doenças – Uso do Coletor de Esporos, no dia 6 de abril, das 15h às 16h. Nesta oficina a proposta é apresentar os resultados obtidos nas Unidades de Referência conduzidas em lavouras de soja, que demostram a eficiência do manejo no combate a ferrugem-asiática da soja, a mais severa doença da cultura.

Outra oficina a ser promovida no dia 7 de abril, das 15h às 17h, na Fazendinha, será sobre Coinoculação na Cultura da Soja. A Coinoculação em soja consiste na combinação de duas bactérias – Azospirillum brasilense e Bradyrhizobium – para aumentar a produtividade da cultura. As plantas de soja coinoculadas têm uma nodulação mais abundante e precoce e maiores taxas de Fixação Biológica do Nitrogênio, nutriente indispensável para produção de soja. Resultados da Embrapa mostram que a coinoculação promove um incremento médio de 16% no rendimento da soja, em relação às áreas inoculadas somente com Bradyrhizobium.

Também será promovida uma oficina sobre Manejo Integrado de Pragas (MIP) no sistema de produção soja-milho no dia 8 de abril, das 15h às 16h. O objetivo é demonstrar na prática como as ações monitoramento de pragas e aplicação racional de inseticidas têm reduzido em 50%  o uso de inseticidas em lavouras de soja que adotam o MIP no Paraná. 

Diferentes usos da soja – A cultura da soja é um dos alicerces do agronegócio. Na safra 2020/21, o Brasil produziu 138 milhões de toneladas do grão. Em seu estande institucional, a Embrapa Soja pretende apresentar aos visitantes da ExpoLondrina 2022 os diferentes usos da soja.  A soja é a principal fonte de proteína, em nível mundial, sendo usada em produtos industrializados e também em ração animal e na produção de biocombustíveis, como o biodiesel. Além disso, a soja é matéria-prima na fabricação de diversos bens de consumo pelas indústrias de diferentes setores, como cosméticos, farmacêutica, veterinária, adesivos, revestimento, tintas e plásticos.

Também haverá demonstração da coleção de 55 mil tipos de sementes de soja armazenadas no Banco Ativo de Germoplasma (BAG Soja), cuja curadoria é da Embrapa Soja, em Londrina (PR). Criado em 1976, o BAG da Embrapa passou por diversas mudanças e ampliações e hoje é o terceiro maior Banco de sementes de soja do mundo. No caso da Embrapa, o acesso a essas características foi determinante para modernizar completamente a genética do portfólio das cultivares BRS. O objetivo deste Banco é preservar a variabilidade genética da soja. Para manter essas sementes viáveis, a Embrapa Soja dispõe de uma em câmara fria a 5ºC, com 25% de umidade, o que garante a sobrevivência dessas sementes  por longos períodos.

Hackathon Smart Agro  – Os pesquisadores da Embrapa Soja também irão participar do Hackathon Smart Agro 2022, de 8 a 10 de abril, no pavilhão Smart Agro. Os pesquisadores atuarão como mentores das startups participantes do evento, para colaborar com o incremento das propostas das equipes participantes e que deverão gerar produtos e tecnologias e serviços para o agronegócio

Programação das Oficinas

OFICINA: MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS NA SOJA – O USO DO COLETOR DE ESPOROS
Data: 06/04/2022
Horário: 15 – 16h

OFICINA : CO-INOCULAÇÃO NA CULTURA DA SOJA
Data: 07/04/2022
Horário: 15 – 16h

OFICINA: MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS NO SISTEMA SOJA-MILHO
Data: 08/04/2022
Horário: 15 – 16h

Inicio Destaques Racionalização de fertilizantes e diferentes usos da soja