Repelente natural

0
34
Repelente – Foto: Arquivo

Você sabia que é possível produzir um repelente contra mosquitos a partir do eucalipto citriodora? Professor do Instituto de Química da Universidade Federal de Uberlândia (IQ/UFU), Evandro Nascimento desenvolveu pesquisa sobre formas simples de se obter esse repelente.

No óleo da espécie Eucaliptus citriodora, está presente o para-mentano-3,8-diol (PMD), substância que funciona como repelente. Para obtê-la, a proposta foi colocar o PMD em ácido sulfúrico e sabão de coco ou em alternativas de mais fácil acesso, como suco de limão e vinagre.

“Apresentamos várias formas simples de obtenção deste potente repelente, conhecido como para-mentano-3,8-diol (PMD), valendo-se de reagentes facilmente acessíveis e, mais ainda, através de reações exequíveis em laboratórios básicos de química e, com certa paciência, até em locais outros que não sejam laboratórios químicos”, explica o professor.

A ideia foi fazer um repelente com o menor número de ingredientes possível. O resultado final é composto pelo produto bruto de PMD + reagente (ácido sulfúrico, suco de limão ou vinagre), óleo de girassol e álcool de cereal.

Nascimento relata que, durante cinco anos, dezenas de pessoas testaram o produto em algumas regiões do país, especialmente no Cerrado: “A resposta dos usuários foi unânime, [o repelente] funciona tal como os outros tradicionais, no mínimo, mas tem a vantagem de ser natural e o aroma é fresco e agradável”.

O repelente é uma alternativa natural e barata, mas cuidado: o produto pode provocar irritação nos olhos e, como não houve pesquisas com crianças menores de dois anos, não recomenda-se a utilização do produto nessa faixa etária.