20.2 C
Uberlândia
terça-feira, julho 16, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioNotíciasSimbiose recebe prêmio em Porto Alegre/RS

Simbiose recebe prêmio em Porto Alegre/RS

Marcelo de Godoy Oliveira recebe o prêmio durante solenidade em Porto Alegre/RS - Foto: Thiago Goulart
Marcelo de Godoy Oliveira recebe o prêmio durante solenidade em Porto Alegre/RS – Foto: Thiago Goulart

Em solenidade na sede da Federasul, a Federação das Associações Comerciais e de Serviços do Rio Grande do Sul, a Simbiose recebeu o prêmio “Vencedores do Agronegócio“ nesta quarta-feira, 28, na capital gaúcha. A empresa foi agraciada com o case “Simbiose Maíz ” mais tecnologia e mais produtividade“, na categoria insumos.

O diretor da empresa, Marcelo de Godoy Oliveira, credita o prêmio aos fortes investimentos em pesquisa e tecnologia e ao trabalho em equipe desenvolvido em consonância em todo o território brasileiro. “Evidenciamos o empenho da empresa em promover soluções microbiológicas inovadoras para o campo,“ completa.

É o terceiro ano consecutivo que a Simbiose se destaca na premiação concedida pela Federasul.

Sobre o case vencedor

Formulado a partir de diferentes cepas da bactéria Azospírillum brasilense, o Simbiose Maíz é um inoculante para gramíneas que, além de disponibilizar nitrogênio, promove o crescimento do sistema radicular das plantas, dando melhores condições para a absorção de água e nutrientes, resultando em lavouras mais saudáveis e produtivas. É o inoculante com maior concentração registrado no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento: 500 milhões de células por ml de produto.

A empresa

A Simbiose tem a maior estrutura para a produção de insumos microbiológicos do país, com sede em Cruz Alta, no Noroeste do Rio Grande do Sul. A empresa desenvolve produtos que não agridem a natureza. Através de parcerias com universidades e instituições de pesquisas reconhecidas internacionalmente, busca constante atualização.

Os produtos são elaborados a base de fungos, bactérias e vírus – microorganismos nativos do solo brasileiro com ação comprovada por inúmeros estudos técnico-científicos que, uma vez aplicados durante o cultivo das lavouras, possibilitam o melhor desenvolvimento da planta e combate biológico de elementos patogênicos.

ARTIGOS RELACIONADOS

Morgan Sementes lança híbridos para aumentar a produtividade no campo

Três novos híbridos de milho chegam para complementar o portfólio da Morgan e atender aos agricultores do Paraná; marca também apresentou o herbicida Verdict®...

A relação do manejo de nitrogênio com a “murchadeira” em alfaces

Em mais uma parceria com a Revista Campo & Negócios, a Enza Zaden traz um artigo repleto de informações sobre o manejo de nitrogênio com a "murchadeira" em alfaces.

Produtores de Espera Feliz são os campeões estaduais do 14º Concurso de Qualidade dos Cafés de Minas Gerais

  Competição é a maior do país e contou com 2.060 amostras inscritas Dois produtores do município de Espera Feliz, na região das Matas de...

Bioestimulantes: Batata agradece aplicação

Autores Tiago Henrique Costa Silva Mestrando em Agronomia – Instituto Federal Goiano (IFG) - campus Urutaí (GO) tiago@agronomo.eng.br Paulo Cesar Ribeiro da Cunha ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!