21.2 C
Uberlândia
sexta-feira, julho 19, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioAnimaisSoluções pós-colheita no PMA Fresh Connections

Soluções pós-colheita no PMA Fresh Connections

Ao investir em pesquisa, Termotécnica inova com produtos que acondicionam, conservam e valorizam as frutas, legumes e verduras até o consumidor

 

No momento da compra de frutas, legumes e verduras (FLVs), o consumidor avalia a aparência, muitas vezes aperta para sentir a consistência e certifica-se do bom acondicionamento, conservação e qualidade. Para garantir esses atributos é fundamental um esforço conjunto de todos os elos da cadeia: tanto na escolha de uma boa semente e no manejo correto como o cuidado no acondicionamento e transporte, especialmente no Brasil em que as FLVs percorrem quilômetros em estradas com pouca infraestrutura até chegar ao destino.

Atenta a essa necessidade de agregar valor na pós-colheita, a Termotécnica desenvolve soluções em EPS (isopor®) para o agronegócio, com destaque para a Linha DaColheita. É com essas inovações que a empresa participará do PMA Fresh Connections Brasil, dia 24 de agosto, em São Paulo (SP), no espaço APAS, apresentando-as a especialistas do segmento FLV de todo o mundo.

 

Conheça as soluções pós-colheita que terão destaque no PMA

Nova Imagem (3)

Ao utilizar a Conservadora DaColheita, produzida em EPS, o produtor protege sua colheita acondicionando-a numa conservadora que, além de minimizar impactos, age como isolante térmico.

Estudos comprovam que esta solução pode ampliar em até 20% o prazo de validade (Shelf Life) da fruta, proporcionando menor perda de peso pela desidratação e mantendo o teor vitamínico por mais tempo. A Linha DaColheita se destacou como um case de sucesso no Vale do São Francisco, região produtora e exportadora de uvas de alto valor agregado. A Termotécnica vem expandindo seu portfólio, levando os benefícios desta solução para novas culturas e regiões do Brasil.

Com as conservadoras DaColheita, a Termotécnica passou a integrar o Save Food, iniciativa da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura. A empresa compartilha da filosofia da organização que é contribuir para o desenvolvimento de produtos e debater alternativas para reduzir o desperdício e as perdas de alimentos.

Nova Imagem (4)O Upally é uma base de movimentação produzida em EPS. Por ser mais leve, possibilita redução de custos logísticos nos diferentes modais, com ganho significativo em frete aéreo. Não proliferam pragas, dispensa a fumigação e tratamentos que são necessários em outros materiais. Além disso, são resistentes à variação de temperaturas e à umidade, possuem capacidades de carga dinâmica e estática variadas conforme a necessidade logística, além disso, nos casos de quebra, não produzem farpas.

Outra vantagem é que eliminam o uso de empilhadeiras no manuseio quando vazios, pois pesam entre 1,5 kg e 4,0 kg, proporcionando excelente desempenho ergonômico aos colaboradores. O Upally já vem sendo utilizado no Vale de São Francisco para o transporte de FLV para as diversas regiões do Brasil.

 

 

 

Demais soluções ligadas ao agronegócio

 

Nova Imagem (5)A Termotécnica possui uma linha representativa quando o assunto é o agronegócio. O lançamento Base Universal para Substrato DaColheita é um sistema modular de suporte em EPS para plantio em cultivo protegido. Leve e de fácil montagem, oferece ergonomia na produção, isolamento térmico e reaproveitamento da solução nutritiva por contar com canal de drenagem, que também contribui para reduzir a umidade da estufa e ganhar produtividade. Pode ser utilizada como suporte para plantio de mudas em vasos, em slabs – ou seja, bolsas abastecidas com substrato ” ou canteiro para plantio a granel.

Nova Imagem (6)O Berço de Mudas otimiza a produção agrícola a partir  do desenvolvimento de canteiros móveis, que trazem inúmeras vantagens para o produtor, como a formação de mudas que não enovelam as raízes, a seleção de plantas uniformes, bem desenvolvidas e sadias, proporcionando assim o controle de lavouras mais produtivas.

Nova Imagem (7)A caixa de abelhas MaisMel é uma inovação para o mercado de apicultura. Produzida em EPS no padrão Langstroth, apresenta uma série de diferenciais em comparação à caixa tradicional, feita de madeira. Além do design e do isolamento térmico, pensados para atender as necessidades e os hábitos das abelhas, seu peso e ergonomia facilitam a disposição, manutenção e transporte pelo apicultor.

 

 

Programa Reciclar EPS

No contexto da economia circular, a Termotécnica desenvolve soluções que pós-consumo são transformadas, por meio de logística reversa e reciclagem, em novos produtos. A tecnologia viabilizada pela empresa permite o reaproveitamento total do EPS, matéria-prima 100% reciclável. Atualmente, o programa Reciclar EPS conta com mais de 1.000 pontos de coleta e 300 cooperativas espalhados por todo o país. Desde 2007, já deu um novo destino a cerca de 40 mil toneladas de EPS, o equivalente a 1/3 do total reciclado no Brasil.

 

Sobre a Termotécnica

A Termotécnica é a maior indústria transformadora de EPS da América Latina e líder no mercado brasileiro deste segmento. Produz soluções para Embalagens e Componentes, Agronegócios, Conservação, Movimentação de Cargas e Construção Civil.

Conquistou espaço, em 2015 e 2016, no Guia Exame de Sustentabilidade. Em 2015, o Guia elegeu a Termotécnica a empresa mais sustentável do ano no Brasil na categoria Química e destacou sua atuação na Gestão de Resíduos. Além disso, desde 2014, figura entre as 150 Melhores Empresas para Você Trabalhar no Brasil, segundo a Revista Você SA.

Aos 56 anos, tem sua trajetória marcada pelo empreendedorismo, desenvolvimento tecnológico e respeito ao meio ambiente. Com matriz em Joinville (SC), possui unidades produtivas e de reciclagem em Manaus (AM), Petrolina (PE), Rio Claro (SP) e São José dos Pinhais (PR).

Informações: www.termotecnica.com.br

Fernanda Thiesen Furtado

Jornalista, Assessora de Comunicação Termotécnica

EDM Logos – Comunicação Planejada para gerar resultados

fernanda.thiesen@edmlogos.com.br

Tel. (47) 3433.0666 / (47) 98405.4883

ARTIGOS RELACIONADOS

Oito bons motivos para investir em startups AgTech no Brasil em 2018

  Francisco Jardim (*)   Fonte: Fabernovel   O novíssimo setor de tecnologia para o agronegócio, conhecido como AgTech, entrou de vez no radar do mercado brasileiro em 2017....

TNTEX – A proteção que sua lavoura merece

A TNTEX, empresa sediada em Fortaleza (CE), produz embalagens em TNT para proteção de frutos, por meio de barreira física, e firmou parceria com...

Desafios na produção de nogueira-pecã

Um dos grandes desafios dos pequenos e médios produtores rurais, no Brasil, é manter um fluxo de caixa positivo e sustentável, gerenciar adequadamente a propriedade e competir no setor agrícola. Cada vez mais, o produtor precisa saber lidar com as variações climáticas e as oscilações de preço de mercado dos produtos. Assim, o investimento em culturas paralelas é uma importante alternativa para a diversificação da renda na propriedade rural.

Lançamento – Primeiro porta-enxerto para goiabeira resistente ao nematoide

Após quase 10 anos de pesquisa, a Embrapa disponibiliza a primeira tecnologia altamente eficiente para o controle do nematoide-das-galhas, que é, atualmente, o principal desafio da...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!