21.6 C
Uberlândia
sábado, junho 22, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosHortifrútiSTA Máquinas traz a solução para a aplicação de mulching

STA Máquinas traz a solução para a aplicação de mulching

Crédito Ana Maria Diniz
Crédito Ana Maria Diniz

 

Pelo segundo ano a STA participou do Bejo a Campo, um evento que aproxima empresas e produtores, permitindo oferecer a eles informações que de outro modo seriam inacessíveis. “No evento apresentamos um aplicador de mulching, que faz aplicações de filmes plásticos ou de tela de ráfia (telado), e ainda expusemos a Transplantadeira de Mudas FX“, informa Bruno Masseroni, diretor comercial da STA Máquinas.

Segundo ele, o aplicador de mulching já é conhecido pelos produtores, pois faz uma aplicação extremamente simples e rápida no canteiro, deixando o filme completamente esticado e sem bolhas. “A tensão fica constante do começo ao fim. Comparado à aplicação manual, o equipamento reduz o tempo em 20 vezes, sendo uma facilidade muito grande para o produtor, que consegue trabalhar com qualquer tipo de canteiro e de qualquer tamanho. Vinte metros de canteiro, por exemplo, é feito em 15 segundos“, informa.

A aplicação manual depende de vários fatores, primeiro se o filme não rasgar, se não tiver vento, quantas pessoas estão envolvidas na operação, entre outros. A diferença entre os dois sistemas também envolve as oscilações no canteiro, que podem provocar bolhas no sistema manual, além de não ficar 100% esticado. “Eficiência, rapidez, qualidade da operação e custo-benefício são os pontos positivos do equipamento“, ressalta Bruno Masseroni.

Custo x benefício

O custo da máquina depende da configuração escolhida, mas fica em torno de US$ 7 mil. O diretor comercial da STA diz que a Transplantadeira FX veio para solucionar o problema de falta de mão de obra no campo, e sua operação pode ser com uma, duas, três, quatro ou cinco linhas, conforme a necessidade do produtor.

O transplante acontece com mudas de até 15 cm, sendo que para aquelas maiores do que isso a STA tem outros modelos de máquinas. “O diferencial da máquina é que cada linha consegue transplantar até 3.500 mudas por hora. Ou seja, uma máquina de quatro linhas em uma hora consegue transplantar 14 mil mudas. O transplante acontece em velocidade ímpar, com uniformidade de plantio. E como o ajuste é mecânico, as mudas sempre caem uniformemente com a distância desejada e programada“, garante Bruno Masseroni.

Ele lembra que a transplantadeira trabalha com diversas engrenagens e espaçamentos, tanto entrelinhas quanto entre mudas, e com isso pode-se transplantar diferentes tipos de mudas, mostrando ser uma máquina extremamente versátil. “Sendo muda de substrato, não tem importância. Mas se for muda de raiz muda, são outras máquinas da STA que fazem o transplante“, lembra o diretor comercial da empresa.

Ele ressalta a possibilidade de acoplar a transplantadeira ao aplicador de mulching, o que agrega muito em custo-benefício. “Ao mesmo tempo que a máquina aplica o filme, a transplantadeira vem atrás aplicando as mudas, uma operação 2 em 1“, conclui.

 

ARTIGOS RELACIONADOS

Korin Agropecuária prepara surpresas para Hortitec

A Korin Agropecuária participa como expositora da Hortitec há 3 anos. “Este é um momento em que podemos divulgar nossa marca e produtos, fazer...

Simpósio de soja

A expectativa de produção de soja no Brasil, na safra 2021/22 é em torno de 134 milhões de ....

Ráfia de solo – proteção sob medida

Independente dos níveis de conhecimentos tecnológicos, as doenças das culturas em ambiente ...

Biolchim – Da terra para a sua mesa

Desde 2008 a Biolchim participa da Hortitec, quando chegou ao Brasil. No mundo, a empresa tem mais de 40 anos de atuação, sendo de...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!