18.1 C
São Paulo
quinta-feira, agosto 11, 2022
-Publicidade-
Inicio Notícias Tecnologia Acadian aumenta a produtividade da cana

Tecnologia Acadian aumenta a produtividade da cana

Autores

Dra. Lilian A. Saldanha Lima
Engᵒ. Agr. Samir Geraigire Filho
Engᵒ Agr. Daniel Gheller
Dr. Marcos Bettini

Crédito: Shutterstock

Acadian Plant Health é uma divisão da Acadian Seaplant especifica para o mercado agrícola. Possui uma tecnologia única e patenteada para a produção de produtos bioativadores de plantas com base em Ascophyllum nodosum, uma alga marinha marrom muito estudada e com comprovações científicas de uso na agricultura.

A alga se desenvolve em condições extremas ambientais, sofrendo uma amplitude térmica que varia de 30ᵒC positivos a -20ᵒC negativos, além de oscilação de maré, o que a deixa exposta a condições climáticas e salinidade. Devido a estes fatores ambientais, e por sobrevivência, a A. nodossum produz naturalmente diversos compostos naturais para controle de temperatura, osmótico e salino. Estes compostos naturalmente produzidos pelas algas são extraídos e são os responsáveis pelos benefícios e incrementos de produtividade que vemos na agricultura com o seu uso.

Dentre estes compostos podemos destacar as betaínas, que evitam e protegem danos decorrentes de estresses abióticos; manitol, osmorregulador e quelante, que promove a retenção de água pela célula e mobilidade de nutrientes; oligossacarídeos, indutores dos mecanismos de defesa das plantas e promotores da saúde e fortalecimento vegetal e fucoses, os quais são antioxidantes que conferem proteção a estresses, entre vários outros compostos presentes naturalmente nas algas deste gênero e extraídos de forma segura, sem que se percam ou degradem durante a extração, garantindo assim qualidade, resultado e uniformidade do produto.

Aumento de TCH em cana-de-açúcar

A planta da cana-de-açúcar é uma das mais eficientes na conversão de luz, dióxido de carbono e água em carboidratos (açúcares). Devido a isto, tem se mostrado muito responsiva à tecnologia Acadian BioSwitch.

A cana-de-açúcar sofre ações climáticas em todas as estações do ano, com longos períodos de estiagem, altas e baixas temperaturas, além de estreses causados por ataque de pragas e doenças e fitotoxicidade de defensivos agrícolas. Todos estes fatores causam uma queda natural no potencial produtivo da cultura.

A falta de biomassa tem sido um dos principais problemas para as usinas de açúcar e álcool, e o uso de algumas tecnologias pode ajudar a reduzir este problema. Como já vimos, os produtos com algas marinhas, em especial a Ascophyllum nodosum, possuem vários compostos que irão ajudar as plantas a suportar melhor e com menor perda de produtividade as ações dos estresses, resultando em mais toneladas de cana por hectare (TCH) e mais açúcar total recuperado (ATR).

O uso do Acadian na cultura da cana consiste na aplicação de dois litros por hectare no sulco de plantio, juntamente com inseticidas, fungicidas e nutrientes e é utilizada a mesma dose no corte da soqueira. O produto ainda pode ser utilizado em aplicações foliares com inseticidas para cigarrinha ou com nutrição foliar.

Também possui ótimos resultados com aplicações de produtos biológicos, como nematicidas, por conter em sua composição aminoácidos naturais que servem como substratos para os fungos e bactérias benéficas no solo. Estas aplicações promovem melhor brotação das gemas e enraizamentos, vigor, resistência a estresses bióticos, principalmente por seca e temperaturas.

Base científica, um dos pilares da Acadian Plant Health

A Acadian Plant Health é uma empresa que possui como um dos seus pilares a ciência, que fundamenta os resultados positivos do uso do produto na agricultura para incremento de produtividade e qualidade de produtos agrícolas com uma tecnologia sustentável e segura.  O produto Acadian conta ainda com selo Ecocert para uso na agricultura orgânica.

Estudos mostraram que gemas basais tratadas com Acadian (2,0 L/ha) tiveram incremento significativo de massa seca de raiz e parte aérea (Mógor, Átila Francisco et al.- Idesia (Chile), v. 30, n. 3, p. 31-33, 2015).

Em outro trabalho realizado em parceria com uma usina da região de Vista Alegre do Alto, na produção de MPB (mudas pré-brotadas), o uso de Acadian no banho das gemas numa solução 0,3% de Acadian, juntamente com fungicida, acrescido de aplicações foliares quinzenais na mesma concentração, promoveu melhor brotação das gemas, bem como enraizamento e vigor, o que torna as mudas mais sadias e com um tempo de produção de mudas reduzido, uma vez que se espera formação de parte aérea e bom enraizamento para o transplante a campo.

Resultados comprovados a campo

Foram realizados diversos testes em várias áreas comerciais nos últimos anos com o uso da Tecnologia Acadian na cultura de cana para comprovar seus resultados. Em condições de campo, o extrato de algas da Acadian prepara a cana para ter uma melhor performance fotossintética e consequente incremento de biomassa e acúmulo de açúcares, por ajudar a planta a suportar melhor os estresses ambientais, resultando em produtividade e qualidade de produção.

Dentre estes trabalhos se destacam alguns na região de Pirassununga e Santa Rita do Passa Quatro, acompanhado de perto pelo engenheiro agrônomo e sócio-proprietário da Ferrari Agroindustrial – Eduardo Ferrari: “Conhecemos a tecnologia da Acadian em 2015 em uma área teste que realizamos com o produto no tratamento da soqueira e tivemos bons resultados. Colhemos uma média de nove toneladas a mais por hectare em comparação com a área não tratada”.

Em uso em escala maior, a fim de trazer mais biomassa para a moenda, foi realizada a aplicação de Acadian nos canaviais, no tratamento da soqueira, também na dose de 2,0 L/ha e avaliamos por biometria em 11 áreas, referente a um total de 3.000 hectares tratados. Os resultados obtidos foram em média de sete toneladas por hectare de incremento. Foi medido o ATR das áreas e o resultado também foi superior nas áreas tratadas, aumentando 5,0 kg de açúcar por tonelada de cana colhida.

“‘Estamos muito satisfeitos com os resultados obtidos com a utilização do Acadian. É nítido o vigor do canavial após sua aplicação. O uso de bioestimulantes é uma prática que só traz benefícios à agricultura, de forma geral. Poder aliar a resistência da alga Ascophyllun nodosun em nossos canaviais com certeza irá gerar mais produtividade”, comenta Eduardo.

Inicio Notícias Tecnologia Acadian aumenta a produtividade da cana