Tela vermelha melhora brix da uva

0
47

A tela vermelha aumenta a produtividade, com cachos maiores, ótima coloração e boa uniformidade, além da proteção contra chuvas, granizos, ventos e sol

José Antônio Silva SouzaGraduando em Agronomia – Universidade Estadual do Maranhão (UEMA)

Thiago Feliph Silva FernandesEngenheiro agrônomo e mestrando em Agronomia/Produção Vegetal –FCAV/UNESPthiagofeliph@hotmail.com

A tela de sombreamento vermelha é composta por polietileno virgem e por aditivos especiais que são capazes de converter a luz solar direta em luz difusa. Ao receber a luz vermelha de forma difusa em maior quantidade, o metabolismo da planta é alterado, fazendo com que o processo de fotomorfogênese seja mais rápido e eficiente, resultando em melhorias no aspecto físico da planta.

A luz difusa no cultivo de uva influencia em diversos aspectos, gerando aumento da produção e seu teor de brix apresentando melhor qualidade.

Manejo

Para a implementação da tela é necessário fixar os balancins de 1,5 m x 0,03 m x 0,04 m em todos os postes internos, onde serão esticados e fixados em suas extremidades superiores os fios n° 14 ou com 2,10 mm de bitola, galvanização pesada, abaixo e acima da tela, nos dois sentidos, e amarrados na cabeça dos postes de três metros para a sustentação da mesma, onde a tela deve ficar posicionada a 1,0 m acima do aramado.

Os benefícios são vários, como: aumento de produtividade, cachos maiores, ótima coloração e boa uniformidade, proteção contra chuvas, granizos, ventos e sol, proteção contra pragas e doenças, plantas mais limpas e redução do uso de defensivos agrícolas.

A tela diminui a passagem dos raios ultravioleta, reduzindo a ocorrência de insetos, pois os mesmos são orientados por esse espectro de radiação, ou seja, o ambiente torna-se mais ‘invisível’ aos insetos. Tendo a possibilidade do aumento de produtividade, qualidade e precocidade da colheita em épocas desfavoráveis ao cultivo, são fatores fundamentais para proporcionar o aumento da rentabilidade.