Termotécnica mostra tendências para mercado de HF

0
200

 

Esta será a terceira edição que a Termotécnica expõe suas soluções DaColheita na Hortitec. “O evento é uma grande vitrine para apresentarmos as novidades ao setor de agronegócio. A feira consegue reunir um público qualificado, que está sempre à procura de inovações para agregar vantagens ao seu negócio. A Termotécnica também apresentará tendências que podem ser conferidas durante a feira, que é um ótimo espaço para relacionamento com potenciais clientes e parceiros“, avalia Nivaldo Fernandes de Oliveira, diretor superintendente da Termotécnica.

 

Linha de produtos

 

Linha de conservadoras DaColheita ” soluções que desempenham papel fundamental ao acondicionar e transportar frutas, legumes e verduras (FLVs). Por ser produzida em EPS (isopor®), com tecnologia e design patenteados, amplia o shelflife, proporciona menor perda de peso pela desidratação e mantém o teor vitamínico das FLVs por mais tempo, além de proteger contra impactos no transporte. O portfólio conta com modelos específicos que acomodam diversos tipos de culturas, tais como uva, figo, manga, frutas de caroço, morango, mamão, folhosas, entre outros.

Base de Movimentação Logística (Upally®) – pallet fabricado por EPS, o Upally® chega ao consumidor com vantagens como a leveza (cerca de até 90% mais leve que a madeira), não-proliferação de fungos e bactérias e facilidade de higienização. Integrado às conservadoras DaColheita, o Upally® proporciona até 30% de redução no custo de frete aéreo. Estes fatores geram grandes benefícios na aplicação nas áreas de FLV, farmacêuticas, de alimentos e câmara fria. Com alta reciclabilidade, é um produto que favorece a sustentabilidade – reduz o consumo de combustível no transporte, diminuindo a emissão de CO2 na atmosfera.

Base Universal para Substrato DaColheita ” consiste em um sistema modular de suporte em EPS (isopor®) para uso em cultivos hidropônico de FLV. A inovação foi desenvolvida, testada e homologada em parceria com o Centro de Tecnologia e Treinamento EACEA, de Cunha (SP). O produto traz inovações nos quesitos produtividade, qualidade do cultivo, versatilidade e sustentabilidade. Entre suas vantagens estão a leveza, a fácil montagem, a ergonomia na produção e o isolamento térmico. A base possui canais de drenagem que permitem coletar a solução nutritiva drenada e reutilizá-la, gerando economia em adubação e água. O estudo técnico realizado entre a Termotécnica e a EACEA apontou economia estimada em 10% do custo total da produção.

 

Novidade

 

A novidade da empresa será o lançamento da campanha “98% ar e muita tecnologia!“. A iniciativa da Termotécnica pretende mostrar a inovação e a versatilidade do EPS, além dos diversos benefícios que seus produtos trazem ao cotidiano das pessoas, como isolamento térmico, proteção contra impactos e maior ergonomia. Tudo isso atrelado à mensagem da logística reversa e reciclagem do material.

Nivaldo Fernandes explica que a campanha contempla desde atividades de relacionamento e conscientização com clientes, comunidade, fornecedores e colaboradores até a aplicação do selo nos catálogos e produtos Termotécnica.

A empresa realiza, desde 2007, o Programa Reciclar EPS, que já deu destino correto a mais de 1/3 de todo EPS pós-consumo no Brasil. Ou seja, mais de 35 mil toneladas de isopor® que retornaram ao processo produtivo para virar rodapé, perfil, vaso, solado de sapato e deck de piscina.

Para a Hortitec 2018, a empresa pretende investir na divulgação de suas soluções e diferenciais, fazer uma maior aproximação com o público, gerando novas prospecções e bons negócios.

 

 

Essa matéria você encontra na edição de junho da Revista Campo & Negócios Hortifrúti. Adquira o seu exemplar.

 

Ou assine