27.6 C
Uberlândia
sábado, maio 25, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioDestaquesTMG investe na automação de suas casas de vegetação

TMG investe na automação de suas casas de vegetação

Aporte, que deve ultrapassar os R$ 2 milhões, contempla avanços tecnológicos em controle de temperatura, iluminação e irrigação de plantas nas 35 casas de vegetação da companhia; unidade de Rondonópolis (MT) já conta com novos sistemas

A TMG – Tropical Melhoramento & Genética – empresa brasileira de soluções genéticas para algodão, soja e milho, está investindo na modernização de suas casas de vegetação. Na unidade de Rondonópolis (MT), a companhia já aportou cerca de R$ 1 milhão em novas tecnologias para controlar remotamente temperatura, iluminação e irrigação das plantas em processos que têm como objetivo abastecer os programas de melhoramento de soja, algodão e milho para gerar novas cultivares e híbridos.

TMG

Heitor Dias, coordenador de pesquisa na TMG, explica que esses aportes fazem parte do processo de transformação digital que a empresa vem passando nos últimos anos. ‘’As casas de vegetação são essenciais para o melhoramento genético, pois são os locais onde realizamos milhares de cruzamentos e testes para descobrir e validar resistência às doenças e diferente do campo elas podem funcionar durante o ano todo, acelerando as etapas até o lançamento de produtos comerciais. Essas novas ferramentas estão sendo importantes para tornar o trabalho mais ágil e eficiente, pois podemos fazer a gestão de várias atividades remotamente’’, diz.

Além da modernização por meio do uso de novos equipamentos e softwares, Dias explica que há benefícios também para a mão-de-obra. “Podemos, com esses avanços, posicionar os colaboradores de forma mais estratégica, ocupando cargos mais analíticos e operacionais extremamente importantes, como os cruzamentos para obtenção de novos produtos, que também dependem da mão humana”, comenta o coordenador, que acrescenta ainda que “isso é possível porque conseguimos monitorar os locais por meio de sensores precisos e resistentes conectados à internet, disponibilizando informação em tempo real. Além disso, é possível coletar e armazenar dados essenciais para as análises dos nossos especialistas”.

O próximo passo da empresa é fazer um aporte de aproximadamente R$ 1,5 milhão também em sua matriz. “A exemplo do que já está acontecendo em Rondonópolis, a ideia de investir na automação das casas de vegetação em Cambé (PR), padronizando assim os sistemas para as duas unidades. Desta forma teremos mais segurança de que todos processos que acontecem dentro das casas de vegetação atingirão seu objetivo e impulsionaram a TMG ainda mais no mercado.”, acrescenta Dias.

Companhia investe em tecnologia para aprimorar continuamente os processos de melhoramento genético

A TMG tem investido também na implementação de robôs autônomos capazes de registrar e apontar características importantes para os estudos de genômica, que irão acompanhar o crescimento das plantas no campo, o que deve ampliar ainda mais a agilidade na coleta e processamento de imagens e dados importantes para as pesquisas. Além de todo o aporte que tem sido feito em transformação digital, a companhia conta com um laboratório de biotecnologia capaz de fazer mais de 25 mil análises genéticas por dia e cerca de 40 milhões por ano. Em 2021, o laboratório recebeu um aporte de R$15 milhões para elevar a capacidade e ampliar o leque de possibilidades genéticas a serem analisadas. A empresa tem 14 bases de pesquisa em melhoramento genético, espalhadas por seis estados, nas principais regiões produtoras brasileiras com ensaios e experimentos de campo.

ARTIGOS RELACIONADOS

Automação na produção hidropônica

O processo de hidroponia apresenta várias vantagens em relação às formas de cultivo tradicionais, como crescimento mais rápido; maior produtividade; aumento da proteção contra...

Lignum Latin America reúne toda a cadeia produtiva da madeira

A cadeia produtiva da madeira terá uma feira ainda mais forte em 2019. Vem aí a Lignum Latin America, que em 2016 e 2017 chamava-se Lignum...

Sete dicas para gestão de água produtiva na sua lavoura

Produtor, você já parou para pensar quanto de água é utilizado para produzir uma tonelada de qualquer alimento? Saiba que hoje, já é possível...

Exacta leva soluções práticas em balanças para Agrishow 2017

Empresa do interior de SP participa pela primeira vez da feira e apresentará portfólio inovador   As inovações tecnológicas que facilitam as atividades pautam cada vez...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!