18.1 C
São Paulo
sábado, agosto 13, 2022
-Publicidade-
Inicio Revistas Grãos Universidades federais liberam 16 novas variedades de cana-de-açúcar

Universidades federais liberam 16 novas variedades de cana-de-açúcar

Crédito Shutterstock
Crédito Shutterstock

Um evento foi realizado para lançar 16 novas variedades de cana-de-açúcar desenvolvidas por sete das 10 universidades federais que compõem a Ridesa (Rede Interuniversitária para o Desenvolvimento do Setor Sucroenergético), dentre elas a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), responsável por quatro dessas novas variedades RB, sigla das cultivares da Rede que, atualmente, representam 68% da área cultivada com cana no Brasil. O encontro ocorreu no dia 25 de novembro.

As quatro variedades lançadas pela UFSCar atendem novas demandas do setor sucroalcooleiro. O Coordenador do PMGCA explica que a variedade RB 975952 é uma planta precoce, cuja colheita ocorre no início da safra; a RB 985476 tem muita produtividade para o meio da safra; a RB 975242 foi desenvolvida para ambientes restritivos, com baixa fertilidade do solo, e é considerada tardia, ou seja, a colheita é propícia para o final da safra; e a variedade RB 975201 também é uma planta tardia, mas para ambientes férteis.

O encontro da Ridesa também marcou as comemorações dos 25 anos da Rede e dos 45 anos das variedades RB. Nesse contexto, também foi resgatada a história do Programa Nacional do Álcool, o Proálcool, criado em 1975 como alternativa à crise do petróleo de 1973.

De lá para cá, foram muitos os avanços tecnológicos associados à criação da Ridesa, em 1991, quando as variedades RB respondiam por apenas 9% da área de cultivo de cana no País. Além disso, enquanto em 1970 eram produzidas 50 toneladas de cana por hectare, em 2015 a produção média é de 70,5 toneladas por hectare, sendo que a produção total passou de 57 milhões para 635 milhões de toneladas no período.

Durante o evento, foi prestada homenagem aos técnicos, pesquisadores e gestores que ajudaram a construir a Ridesa e as variedades, dentre eles o ex-Reitor da UFSCar, Oswaldo Baptista Duarte Filho, que presidiu a Rede durante a sua gestão à frente da Universidade.

Essa matéria você encontra na edição de janeiro 2016 da revista Campo & Negócios Grãos. Adquira já a sua.

 

Inicio Revistas Grãos Universidades federais liberam 16 novas variedades de cana-de-açúcar