27.3 C
Uberlândia
sexta-feira, julho 19, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosGrãosValor da produção agropecuária de 2015 é de R$ 481,4 bilhões

Valor da produção agropecuária de 2015 é de R$ 481,4 bilhões

 

Crédito Shutterstock
Crédito Shutterstock

As riquezas produzidas no campo brasileiro somam quase R$ 500 bilhões. O valor bruto da produção agropecuária (VBP) de 2015 está estimado, com base em dados de safras do setembro passado, em R$ 481,4 bilhões, segundo nota divulgada pela Secretaria de Política Agrícola (SPA) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). O montante é 1,3% maior em valores reais que o obtido no ano passado.

Dos R$ 481,4 bilhões, as lavouras contribuíram com R$ 309,2 bilhões, e a pecuária com R$ 172,2 bilhões. A pecuária teve um crescimento real de seu valor de produção de 2,2%, e as lavouras, 0,8%. “O valor bruto da produção deste ano é o maior nesta série, cujo levantamento teve início em 1989“, destaca o coordenador-geral de Estudos e Análises da SPA, José Gasques.

De acordo com ele, as atividades agrícolas que vêm apresentando os melhores resultados do VBP são a cebola, com aumento real de 183,6%; pimenta do reino, 64,1%; soja, 4,9%; milho, 4,2%; e trigo e algodão, 1,1%. Na pecuária, acrescenta, os melhores resultados foram da carne bovina, com aumento de 7,8%; suínos, 3,2%; e ovos, 1,3%.

Preços

Entre os produtos que têm apresentado redução do VBP em 2015, informa a nota da SPA, destacam-se maçã, -20,8%; uva, -19,5%; tomate, -12,9%; mandioca, -7,7%; amendoim, -5,7%; e laranja, -5,3%. Na pecuária, frango e leite também tiveram queda no faturamento neste ano, com -7,3% e 0,2%, respectivamente.

Ainda conforme a SPA, preços agrícolas mais baixos têm marcado a presente safra. Entre as atividades analisadas neste levantamento, a maior parte apresenta preços abaixo dos vigentes em 2014. Em alguns produtos, como soja e milho, o aumento de produção compensou a queda de preços, resultando em ganhos no VBP.

A exemplo de levantamentos anteriores, os dados regionais mostram uma superioridade da região sul, com VBP de R$ 139,9 bilhões. Em seguida aparecem o Centro-Oeste, com R$ 130,3 bilhões; Sudeste, com R$ 121,0 bilhões; Nordeste, com 47,6 bilhões; e Norte, 28,4 bilhões. Em ordem decrescente, Mato Grosso, São Paulo, Paraná e Minas Gerais são os Estados com maior valor de produção neste ano.

Essa matéria você encontra na edição de novembro 2015 da revista Campo & Negócios Grãos. Adquira já a sua.

ARTIGOS RELACIONADOS

Raiz rosada em cebola – Proteja sua lavoura desse mal

Igor Souza Pereira Engenheiro agrônomo e doutor em Fitopatologia - IFTM - Campus Uberlândia igor@iftm.edu.br Márcia Toyota Pereira Fitopatologista da Faculdade de Agronomia da Unipac " Uberlândia O...

Algas marinhas induzem maior vigor na cebola

O uso das algas em cebola melhora o enraizamento, estimula floração, melhora absorção de nutrientes e torna a planta mais resistente.

Líder na produção de cebola, SC terá safra com expressivo desempenho

Com 33% da produção do país, Santa Catarina destaca-se como o maior produtor nacional de cebola. Para manter a excelência e a liderança no setor, os produtores concentram esforços utilizando as melhores práticas produtivas e tecnologias avançadas

FMC consagra portfólio para Hortifrúti

A FMC AgriculturalSolutions participa há 15 anos da Hortitec, considerada a principal vitrine da América Latina, para apresentar inovações e lançamentos em hortifrúti. “Nosso...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!