18.1 C
São Paulo
sábado, agosto 13, 2022
-Publicidade-
Inicio Revistas Grãos Yoorin aposta nos tratos culturais da cafeicultura

Yoorin aposta nos tratos culturais da cafeicultura

Rafael Marangoni Montes

Msc. Departamento técnico da Yoorin Fertilizantes

 

Crédito Shutterstock
Crédito Shutterstock

O Brasil é o maior produtor de café do mundo, estando nessa posição pelo menos há 18 safras, saindo de cerca de 27 milhões de sacas na safra 1990/91 para 55 milhões de sacas na safra 2016/17 (International Coffee Organization, 2017). Essa posição se deve ao aumento de área de produção e da adoção de correto manejo agronômico, principalmente devido ao uso racional de corretivos e fertilizantes.

O cultivo de café tornou-se tradicional após a introdução dessa espécie no Brasil há muitos anos, destacando-se pela boa adaptação que o café apresentou em nosso País. Por se tratar de uma cultura perene, o café, após plantado, pode ser conduzido por muitas décadas, sendo o seu correto manejo essencial para a manutenção de boa produtividade e longevidade.

Manejo

Durante o desenvolvimento da lavoura de café, o emprego de técnicas agronômicas eficientes para o controle de mato competição, pragas, doenças e de outros fatores que possam impactar na cultura são indispensáveis para garantir o potencial produtivo. Já o emprego de corretivo e fertilizantes é fundamental para proporcionar o máximo potencial produtivo das plantas.

O estudo da fertilidade e da nutrição do cafeeiro apresenta grande destaque, haja vista a grande importância do manejo nutricional para essa cultura. O emprego de correta nutrição apresenta importantes benefícios para a cultura, como o aumento ou manutenção das altas produtividades, a melhora e/ou manutenção da qualidade da bebida do café.

Fontes nutricionais

A utilização de fontes de fertilizantes diferenciados no manejo nutricional tem apresentado maiores benefícios para a nutrição da cultura, como a linha Yoorin e o Ekosil.

A linha Yoorin é a fonte de fósforo mais completa do mercado, apresentando em sua composição, além do fósforo, macro e micronutrientes, com liberação gradual dos nutrientes e capacidade de correção do pH do solo, sendo mais eficiente que as demais fontes de fósforo.

O Ekosil é o potássio natural da Yoorin fertilizantes, sendo um silicato de potássio com alta concentração de sílica e outros nutrientes, que também apresenta liberação gradual dos nutrientes e maior eficiência que as demais fontes potássicas.

Pesquisa

Pesquisa conduzida pelo Santinato & Santinato nas safras 2015/16 e 2016/17 mostram que a utilização do Ekosil em lavoura de café proporcionou aumento de produtividade, qualidade de peneira, melhora de alguns atributos químicos do solo, além de ser feita uma única aplicação por safra. O resultado é a melhora da operacionalização na propriedade, por ser um produto que tem baixas perdas de potássio por lixiviação e baixíssima salinidade.

O Ekosil também é um produto que apresenta certificação para uso na agricultura orgânica, assim como a linha Yoorin.

Essa matéria você encontra na edição de novembro 2017 da revista Campo & Negócios Grãos. Adquira já a sua.

Inicio Revistas Grãos Yoorin aposta nos tratos culturais da cafeicultura