24.6 C
Uberlândia
quinta-feira, abril 18, 2024
- Publicidade -
InícioArtigosPalmito pupunha: do plantio à colheita

Palmito pupunha: do plantio à colheita

Do plantio à colheita, o cultivo do palmito pupunha oferece uma jornada de cuidados e dedicação para garantir uma colheita abundante e de qualidade.

Davi de Carvalho Fiedler
Engenheiro agrônomo – Esalq/USP
davifiedler@usp.br

William Masioli
Mestre em Ciências Florestais – Universidade Estadual do Centro Oeste do Paraná (Unicentro)
william.masioli@gmail.com

Originária da região Amazônica, a pupunha, conhecida também como pupunheira ou palmito pupunha (Bactris gasipae), pertence à família das aráceas. Essa espécie encontra-se cultivada principalmente nos estados da Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo, Paraná e até em Santa Catarina.

Com uma altura que pode ultrapassar os 20 metros, a árvore oferece recursos valiosos
Créditos Embrapa

Com uma altura que pode ultrapassar os 20 metros, a árvore oferece recursos valiosos que podem ser extraídos, destacando-se o fruto e o palmito. O palmito pupunha destaca-se não apenas por sua deliciosa textura e sabor, mas também pela sua relevância na promoção de práticas agrícolas sustentáveis, representando um recurso valioso para a biodiversidade e contribuindo para a preservação ambiental.

Plantio da pupunha

Para iniciar o cultivo com sucesso, é fundamental selecionar cuidadosamente o local, assegurando que o solo seja bem drenado, úmido, com fertilidade variando de média a alta, textura média ou leve, e pH próximo ao neutro (7,0).

Além disso, é ideal que a taxa de matéria orgânica do solo esteja elevada, caso contrário, é recomendável introduzir mais matéria orgânica para otimizar as condições.

A preparação do solo desempenha papel crucial no estabelecimento das condições ideais para o desenvolvimento das raízes. Portanto, a utilização de técnicas como aragem e gradagem é recomendada para criar um ambiente propício.

Durante o preparo inicial da área, deve-se realizar o combate às formigas (saúva e quenquém) presentes na área. As análises química e física do solo são indicadas para estabelecer a adubação e calagem necessárias, e o preparo do solo deve envolver a subsolagem.

Mudas

No que diz respeito às mudas, é indispensável realizar uma preparação adequada antes do plantio. A sugestão é semear os frutos descascados em tubetes com substrato. As sementes devem ser cobertas por fina camada de areia.

Em geral, a muda está apta para o plantio num período de 12 meses. Esse intervalo é essencial para garantir o pleno desenvolvimento das raízes, permitindo que as mudas atinjam o porte necessário para um crescimento saudável.

A temporada de chuvas é o momento ideal para o plantio das mudas. Essa estratégia de plantio visa tirar proveito das condições meteorológicas favoráveis, proporcionando um ambiente propício para o estabelecimento bem-sucedido da cultura.

Cuidados necessários

Para assegurar o desenvolvimento saudável das plantas, é fundamental realizar o controle regular das plantas daninhas na área, podendo ser efetuado por meio de roçadas ou da aplicação de defensivos.

Essa prática é especialmente crucial durante o período em que as mudas estão pequenas e se estabelecendo, pois previne qualquer interferência prejudicial ao crescimento das plantas.

Além disso, é imprescindível adotar a prática de adubação nos dois primeiros anos, especialmente quando há a intenção de estimular a produção de frutos. Essa medida contribui significativamente para o fornecimento adequado de nutrientes às plantas durante suas fases iniciais de crescimento.

Outra ação necessária consiste no desbaste periódico das touceiras, visando limitar a quantidade a um máximo de três plantas por touceira. Isso se mostra essencial, pois é comum que a planta perfilhe muitas novas plantas, às vezes ultrapassando 10 em um ano.

Ameaças

O monitoramento constante do plantio é vital para identificar e lidar com possíveis pragas que possam afetar a cultura. Entre as principais ameaças estão a formiga saúva, abelha de cachorro, ácaros, broca do olho do coqueiro, broca das raízes, antracnose, podridão no broto, mancha negra e podridão branca.

Caso necessário, operações de controle devem ser realizadas, podendo envolver a aplicação de defensivos químicos ou biológicos. Manter um acompanhamento atento às possíveis pragas permite a intervenção ideal e a preservação da saúde da plantação.

Exigências climáticas e manejo da irrigação

Embora seja uma espécie adaptável a diversos climas, seu habitat ideal caracteriza-se pelo clima quente e úmido. A planta demonstra preferência por regiões com elevada precipitação, distribuída de maneira equilibrada ao longo do ano.

Em áreas sujeitas a períodos prolongados de estiagem, torna-se indispensável a implementação de um sistema de irrigação para garantir as condições ideais de crescimento e desenvolvimento.

Colheita

A colheita do palmito pupunha se dá após três anos do plantio, quando a planta inicia a sua fase reprodutiva e dá os primeiros frutos, geralmente no final do período chuvoso, entre fevereiro e março.

O palmito fica localizado no interior da extremidade superior do estipe (caule) da palmeira e, ao ser extraído, a palmeira morre. Para a retirada do palmito, a palmeira é derrubada e o palmito extraído com facão. Os frutos podem ser colhidos com auxílio de mecanismos para apanhá-los em elevadas altitudes.

Produção ambientalmente sustentável

O cultivo do palmito pupunha destaca-se como uma opção econômica e ambientalmente sustentável, em comparação com outros tipos de palmitos, como a juçara e o açaí, que a planta morre após a extração do palmito.

A pupunha apresenta a notável característica de perfilhar e formar novos brotos, originando, assim, novas plantas. Isso possibilita a criação de sistemas de condução nos quais a cultura se comporta como uma planta perene, resultando em ciclos de produção que geralmente envolvem a extração de palmito a cada dois anos.

Em outras palavras, durante o processo de extração do palmito, já ocorre o crescimento de novas plantas na touceira, preparando-se para serem extraídos em ciclos subsequentes. Esse modelo de cultivo permite uma gestão mais sustentável, garantindo a continuidade do ciclo produtivo e minimizando os impactos ambientais associados à exploração de recursos naturais.

Potencial econômico

A pupunha é uma planta versátil que oferece não apenas o palmito, mas também frutos com múltiplas aplicações. O palmito, considerado uma iguaria, é amplamente consumido em todo o país, encontrando-se facilmente disponível em supermercados.

Além disso, os frutos da pupunha são altamente nutritivos e podem ser desfrutados de diversas maneiras, como cozidos, em conservas, assados ou incorporados em sorvetes e sucos.

Na culinária da região norte do Brasil, os frutos da pupunha desempenham um papel significativo, com um elevado consumo. Sua versatilidade culinária e valor nutricional contribuem para sua popularidade, tornando-os ingredientes apreciados em uma variedade de pratos locais.

Assim, a pupunha destaca-se não apenas como uma fonte de palmito, mas também que enriquece a culinária brasileira com palmitos e frutos versáteis e saborosos.

ARTIGOS RELACIONADOS

Portfólio completo e atuação pela cadeia da horticultura serão destaque da Isla

  Na constante missão de disponibilizar um portfólio completo em sementes para horticultura e atuar para o desenvolvimento de toda a cadeia, a Isla Sementes...

Agrishow 2017 espera ultrapassar R$ 1,95 bilhão em negócios

Evento terá a presença das principais instituições financeiras do país e deve contar com o anúncio de recursos de RS 1,5 bilhão para o Moderfrota

Para produzir pêssegos, requer condições climáticas específicas?

Com a proximidade do fim do ano, algumas frutas ganham destaque nas bancas de sacolões e supermercados. É o caso do pêssego, fruta típica de clima...

Controle genético do nematoide da goiabeira com uso de híbrido

Para quem acreditava que o controle do nematoide da goiabeira estava ainda longe de acontecer, o pesquisador Carlos Antonio Fernandes Santos, da Embrapa Semiárido,...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!