26.6 C
Uberlândia
sexta-feira, junho 14, 2024
- Publicidade -spot_img
InícioArtigosFlorestasTrês Lagoas Florestal tem expectativa de bons negócios

Três Lagoas Florestal tem expectativa de bons negócios

Três Lagoas Florestal  - Créditos Divulgação
Três Lagoas Florestal – Créditos Divulgação

A Feira Três Lagoas Florestal, a maior do setor florestal não só do Brasil, mas das duas Américas, que acontecerá entre os dias 2 e 4 de junho deste ano, vai atrair cerca de 150 marcas e gerar mais de R$ 60 milhões em negócios.

O diretor executivo do Painel Florestal e organizador da feira, Robson Trevisan, destacou que nos últimos oito anos a empresa de comunicação especializada no setor florestal participou de feiras em diversos países, com destaque para Suécia, Finlândia, Austrália, Chile, Canadá e Estados Unidos – entre outros ” aprimorando o knowhow para a realização de eventos.

A feira, que tem o apoio do governador do Estado de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, vai reunir um setor gerador de R$ 56 bilhões de participação no Produto Interno Bruto (PIB) do País e que emprega cerca de 4,5 milhões de trabalhadores.

O governador Azambuja deixou claro que o Estado detém nove milhões hectares de terras degradadas que podem ser aproveitadas pelo setor florestal. Nos últimos 13 anos, o setor saltou de 60 mil para 800 mil hectares de florestas plantadas e, até 2020, deve chegar a um milhão, tendo em vista os projetos de ampliação anunciados por grandes empresas instaladas no município de Três Lagoas, além dos novos projetos previstos para o Estado.

Resultados acima do esperado

Para a prefeita de Três Lagoas, Márcia Moura, a realização da primeira edição da Feira Três Lagoas Florestal, em 2012, trouxe resultados acima das expectativas, como negócios realizados em torno dos R$ 40 milhões e mais R$ 6 milhões injetados diretamente na cidade, o que inclui hotéis, restaurantes, prestadores de serviços e postos combustíveis, por exemplo.

“Tivemos a participação de grandes empresas do setor florestal de todo o País e nesta segunda edição teremos um número maior de empresas e marcas, demonstrando que mesmo em um cenário de dificuldades econômicas mundiais, o setor florestal brasileiro quer abrir novas frentes mercadológicas“, avaliou Márcia Moura.

Carlos Castro, pequeno empresário de Três Lagoas voltado para o segmento de comunicação visual, disse que na primeira edição nem participou diretamente da feira e obteve um faturamento 30% maior por causa dos negócios gerados no evento. “Foi impressionante, porque mesmo com uma desconfiança inicial, conseguimos fazer grandes negócios. Por isso, nesta segunda edição vamos participar diretamente da feira. É inegável os avanços que o evento proporcionou ao município“, observou Castro.

A prefeita da cidade de Três Lagoas, Márcia Moura, e Robson Trevisan, diretor executivo do Painel Florestal e organizador da feira - Crédito divulgação
A prefeita da cidade de Três Lagoas, Márcia Moura, e Robson Trevisan, diretor executivo do Painel Florestal e organizador da feira – Crédito divulgação

Desafios

Na avaliação do presidente do Sindicato Rural de Três Lagoas, Marco Garcia, o desafio agora é maior devido ao cenário econômico que o Brasil e o mundo enfrentam. Garcia tem convicção que a cidade de Três Lagoas continuará a atrair investimentos para a silvicultura.

Já o secretário de Agricultura do Estado, Fernando Lamas, frisou que o setor se fortaleceu com a celulose e agora vai começar uma nova etapa, com o segmento de móveis e a geração de energia via biomassa. “O governo sabe da potencialidade florestal e vai trabalhar forte para fazer do Mato Grosso do Sul destaque no cenário mundial no setor. A feira trará bons resultados“, garante o secretário.

Essa matéria você encontra na edição de abril/maio da revista Campo & Negócios Floresta. Adquira a sua.

ARTIGOS RELACIONADOS

ABAF participa do Seminário Conhecendo o Eucalipto e os Benefícios das Florestas Plantadas

Evento promovido pela Bracell acontece dia 19/07, às 13h, em Alagoinhas (BA) A Associação Baiana das Empresas de Base Florestal (ABAF) participa do Seminário Conhecendo o Eucalipto...

Dia Mundial das Florestas

Em 1971, a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) criou o Dia Mundial das Florestas com o objetivo de conscientizar a respeito da importância dos ecossistemas florestais. A data escolhida foi 21 de março, que marca o primeiro dia da primavera nos países do hemisfério norte.

Acacia mangium – Aproveitamento de 100% da árvore

Além do aproveitamento da madeira de desbaste, a Acacia Mangium oferece tanino, mel extraído das folhas e flores, própolis, cera, geleia real e forragem...

Fertilizantes de liberação controlada na silvicultura

Adriane Roglin Engenheira florestal, MSc e consultora da Consufor www.consufor.com Atualmente, as florestas plantadas correspondem a uma área de 7,6 milhões de hectares, distribuídos principalmente entre os...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!