27.9 C
Uberlândia
quarta-feira, fevereiro 28, 2024
- Publicidade -
InícioArtigosHortifrútiAminoácidos podem recuperar o cultivo de alface?

Aminoácidos podem recuperar o cultivo de alface?

Autor

Jean de Oliveira Souza
Engenheiro agrônomo e doutor em Agronomia/Produção Vegetal
jsoliveira1@hotmail.com
Crédito: Shutterstock

Na produção de mudas e no cultivo intensivo da alface são utilizados diversos produtos para o aumento da produtividade e melhora da qualidade, tais como o uso de bioestimulantes, substâncias húmicas, vitaminas e aminoácidos.

O uso de aminoácidos na exploração da alface tem sido uma alternativa viável. Sua aplicação nas diversas culturas tem como objetivo ativar o metabolismo fisiológico das plantas, melhorando a fotossíntese, diminuindo a fitotoxidade de alguns defensivos e conferindo às plantas maior tolerância às pragas e doenças e promovendo uma melhor absorção e translocação de nutrientes aplicados via foliar, tornando o sistema radicular mais desenvolvido e com mais vigor.

Além de sínteses vitamínicas de vários compostos, como enzima, hormônio e clorofila, armazenamento e transporte de nitrogênio, os aminoácidos têm ação direta para um maior desenvolvimento vegetal e com um gasto energético reduzido, maior tolerância ao estresse hídrico e aumento da qualidade pós-colheita das alfaces.

Respostas

Por se tratar de uma cultura composta basicamente por folhas, a alface responde muito à adubação nitrogenada e a fertilizantes orgânicos. O fornecimento do nitrogênio à planta favorece a produção de biomoléculas fundamentais, como proteínas e aminoácidos, além de ser o constituinte das moléculas de clorofila.

A aplicação de aminoácidos, além de influenciar a eficiência da adubação nitrogenada, tão importante no manejo nutricional da alface, regula a absorção do nitrogênio pelas raízes, explicada pela atividade proteolítica que libera aminoácidos nas folhas. 

Resultados

O melhor desempenho de mudas de alface tratadas com aminoácidos tem sido observado em trabalhos de pesquisas que citam que a utilização de aminoácidos pode influenciar na fertilidade do substrato pela liberação de nutrientes, pela melhoria das condições físicas e biológicas e pela produção de substâncias fisiologicamente ativas, melhorando assim o crescimento da planta.

É atribuída aos aminoácidos a capacidade de estimular as respostas das plantas às doenças e estresses abióticos, conferindo melhor crescimento geral da planta e, como consequência, melhor desempenho produtivo e qualitativo, além de favorecer vantagens competitivas, principalmente quando o produtor decide semear a alface em épocas desfavoráveis, como em períodos chuvosos e quentes.

Resultados de pesquisas mostram que o aumento das concentrações de aminoácidos promove o acréscimo linear significativo na massa seca da parte aérea (MSPA), número de folhas (NF), altura da planta (AP) e diâmetro das plantas (DP). Vários estudos com o uso de aminoácidos têm comprovado a eficiência no aumento significativo da produtividade da alface no campo.

Esse maior número de folhas (NF) proporciona maior fotossíntese e, por consequência, maior será o tamanho e volume de planta. Para a comercialização da cultura da alface, o número de folhas tem importância, pois influencia diretamente no tamanho da planta e, consequentemente na venda.

 Já o diâmetro das plantas (DP) está diretamente relacionado ao tamanho foliar, principalmente aos basais. Plantas de alface com maior diâmetro terão uma melhor característica de escolha visual e também melhor aceitação no mercado e maior valor recebido pelo produto, obtendo assim melhor rentabilidade para o produtor.

ARTIGOS RELACIONADOS

Cocapec – 9º Simcafé traz nomes de peso em sua programação

Prestes a acontecer, a Cocapec acelera os preparativos para o 9º Simcafé - Simpósio do Agronegócio Café da Alta Mogiana. O evento acontecerá nos...

Tomate Compack possui elevado potencial produtivo

A área total do mercado de tomate de mesa no estado de São Paulo corresponde a aproximadamente 3.500 ha. Desse valor, 2.100 ha são de tomate...

Sete motivos para usar aminoácidos no manejo da cultura de tomate

  Uso de produtos ricos em aminoácidos pode aumentar a produção e resultar em frutos de melhor qualidade Produtores de hortifrúti sabem que todas as culturas...

Caquizeiros estressados – Solução para recuperação dos pomares

Os fertilizantes organomineirais são uma opção vantajosa para aumentar a interação entre planta e mineral, reduzindo a adsorção de fósforo e diminuindo a transformação de P2O5 em formas não disponíveis para a planta e ainda ativando o processo de enraizamento precoce. Resultados em campo com o uso de fertilizantes organominerais em fertirrigação mostraram superioridade na produção de frutos e a menor perda de nutrientes por lixiviação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!