BEA estreia no Bejo a Campo

0
415
Foto: Ana Maria Diniz

A BEA (Biotecnologie per l’Ecologia e l’Agricoltura) teve sua primeira participação no Bejo a Campo agora em 2022 trazendo a linha Ergofito para apresentar aos visitantes do evento.

O gerente comercial Josué Maciel afirma que “Ergofito é um fertilizante concentrado organomineral fluído que apresenta em sua composição diversos elementos que possibilitam ativar as plantas e seus mecanismos de defesa, promovendo o desenvolvimento harmonioso dos vegetais nas mais diversas formas de cultivo (campo aberto, protegido, em vasos e hidroponia)”.

O produto foi criado na Europa a partir dos resultados obtidos em pesquisas de biorremediação enzimática. E foi por meio destes conceitos que foram desenvolvidas ferramentas à agricultura capazes de entregar diversos benefícios para as plantas.

Aliada da natureza

“Nosso propósito é produzir alimentos em sinergia com a natureza. De que maneira? Sua composição exclusiva é capaz de nutrir, estimular e proteger as plantas, atuando também na água e no solo, de tal modo que potencializa os insumos empregados junto aos nossos produtos”, explica Josué.

Ergofito contém minerais catalizadores associados a diversas fontes de carbono, como algas, aminoácidos, substâncias húmicas, enzimas, vitaminas e nutrientes. É compatível com a maioria dos defensivos, podendo ser aplicado no manejo convencional do produtor.

Pode ser empregado como um excelente catalizador para os produtos biológicos que muito dependem de fatores ambientais, como umidade e temperatura, para sua máxima eficiência.

A aplicabilidade, a facilidade de misturas e a compatibilidade da linha Ergofito com inseticidas e fungicidas faz com que facilite seu uso nas diferentes fases de desenvolvimento dos cultivos, inclusive potencializando sua ação.

Vale ressaltar a capacidade de desintoxicar a planta num curto espaço de tempo ou até mesmo eliminar resíduos acumulados ao longo do ciclo para que a fruta possa ser exportada, tornando-se uma novidade para América Latina e para o resto do mundo.

 “Com quase 50 anos de patrimônio científico, estamos conseguindo canalizar isso para o produtor. A BEA tem hoje, no Brasil, uma unidade fabril para atender toda a América do Sul, com ampla capacidade de produção. Com resultados efetivos e muito trabalho, cabe a nós entregar essa tecnologia a quem mais precisa: o produtor”, declara.

Benefícios alcançados com o uso Ergofito:

– Plantas mais robustas, lignificadas;

– Indução de Resistência (SAR);

– Formulações balanceadas;

– Compatibilidade e Sinergia com produtos;

– Estimula o metabolismo vegetal.

– Diminui estresses bióticos e abióticos;

– Acelera a formação de húmus no solo;

– Equilibra o ambiente biológico da rizosfera; entre outros…

Em destaque

Um dos principais produtos da BEA e que teve grande destaque no Bejo a Campo foi o Ergofito Universal, quando o assunto é bioativação de desenvolvimento vegetal. Todos os componentes na linha Ergofito estão presentes em forma e dosagem tais que constatam uma ação sinérgica com rápidos e evidentes efeitos positivos, favorecendo, sobremaneira, a perfeita síntese de clorofila.

Ergofito promove rusticidade e lignificação, o que permite o aumento da defesa contra pragas e doenças, reduzindo a demanda de defensivos e estimulantes por meio do equilíbrio da atividade microbiana do solo e do metabolismo da planta a fim de trazer benefícios, como aumento da produção e maior resistência no pós-colheita.

Trabalho sério

A atuação da BEA no Brasil é recente, mas o impacto da empresa já é perceptível. De origem italiana, a BEA está sediada em São Paulo e já realiza trabalhos em vários Estados do Brasil. “Como aquela sementinha germinando, vai um tempo para atendermos todo o território nacional, contudo, já estamos no Espírito Santo, Rio de Janeiro, Paraná, em São Paulo, Minas Gerais e região Nordeste”, enumera Josué.

Com um portfólio com mais de 40 formulações na Europa, foram selecionados para a América do Sul seis produtos que entregam nutrição, estímulo, proteção às plantas de maneira física, química e biológica. São eles: Ergofito Universal, Ergofito Jolly, Ergofito Proteção, Ergofito Mudas, Ergofito Florada e Ergofito Cálcio.

“Para 2023, estaremos lançando mais cinco produtos. Cada um para uma finalidade específica. O Ergofito Residual, tecnologia exclusiva da BEA, é capaz de eliminar os resíduos acumulados durante o ciclo e tem um potencial muito promissor para o mercado de exportação. O Ergofito Nemashield visa uma blindagem da planta ao ataque de nematoides. O Ergofito Tech vai acelerar aquele vegetal estagnado. Já o Ergofert Mares e o Grow têm a finalidade de fornecer cálcio de alta performance, via fertirrigação e foliar, respectivamente”.

Mais do que uma empresa de fertilizantes, a BEA é reconhecida por sua biotecnologia aplicada às áreas agrícola, ambiental e cosmética. No Brasil, apresenta uma equipe técnica preparada para atender as diferentes regiões agrícolas do País.

No mundo, a empresa desenvolve atividades em países da Europa, além de Estados Unidos, Rússia, Congo Belga, Egito e Israel, principalmente no setor agrícola e ambiental.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!