25.6 C
Uberlândia
sábado, abril 13, 2024
- Publicidade -
InícioDestaquesConfina identifica criação de gado de origem espanhola

Confina identifica criação de gado de origem espanhola

Descobertas Marcantes na Expedição Confina Brasil: Da Raça Espanhola Rubia Gallega à Tecnologia de Nutrição e Integração Sustentável no Mato Grosso

A décima semana de visitas da 4ª edição do Confina Brasil, pesquisa- expedicionária promovida pela Scot Consultoria, ocorreu de 7 a 10 de agosto nas cidades mato-grossenses de Indianópolis, Água Boa, Canarana e Querência.

Com objetivo de coletar dados de sistemas intensivos e semi-intensivos de produção de carne bovina, a “Equipe 2” do Confina Brasil segue conhecendo propriedades que realizam trabalhos diferenciados. Nessa última semana, a equipe conheceu um grupo que trabalha com a raça bovina de origem espanhola, Rubia Gallega. Outro destaque das visitas foi a ampla adoção à sistemas de integração entre agricultura e pecuária.

Créditos: Divulgação

Rubia Gallega

O grupo Roncador, em Querência (MT), conta com cerca de 500 colaboradores. Julia Zenatti, médica-veterinária e analista de mercado da Scot Consultoria, relata “com a expansão do Grupo Roncador, foi necessário estabelecer um sistema logístico e de gestão extremamente efetivo. A unidade de Querência conta com uma “cidade” toda dentro da fazenda, com alojamentos, escola e até mesmo uma rodoviária. Hoje a fazenda trabalha com ciclo completo, os bovinos da raça Rubia Gallega são criados com o objetivo de garantir o abastecimento de uma parceria fechada com uma grande rede de supermercados, que comercializa a carne produzida”.

A raça Rubia Gallega, de origem espanhola, é ainda pouco disseminada no país em comparação com outras raças de gado de corte. Esta destaca-se por suas características distintas, caracterizadas por um menor teor de gordura, aliada a um aumento no teor de proteína na composição de sua carne, atendendo um nicho específico de mercado de carnes, proporcionando cortes considerados mais saudáveis do ponto de vista desses consumidores.

Tecnologia em nutrição animal

Já em Indianópolis, na Fazenda Brasil, a dieta de terminação dos bovinos respeita quatro etapas: adaptação, crescimento, terminação e, nos últimos 60 dias de cocho, a dieta Fast da Nutron – patrocinadora “Ouro” do Confina Brasil 2023. “Essa dieta da Nutron finaliza com muita qualidade a terminação da carcaça dos bovinos. Ela é 100% composta de alimentos concentrados”, conta Álvaro Negro, integrante da “Equipe 2” do Confina.

Outra grande propriedade que utiliza a consultoria da Nutron e faz uso da dieta Fast é o Confinamento MTQ, do Grupo Mantiqueira, localizado em Água Boa (MT). Com capacidade estática para 30 mil animais, os gestores do confinamento optaram pela assistência da Nutron na dieta do rebanho. A parceria com a empresa viabilizou testes com drone para leitura de imagem do confinamento, com rota pré-programada. Um dos objetivos desses testes é monitorar o comportamento dos bovinos, para tomada de decisões.

“O Cattle View é um sistema multifuncional”, afirma Julia Zenatti, “além das imagens dos cochos, a varredura diária do drone permite que os gestores tenham informações como o número de bovinos em cada lote, se esses bovinos estão em pé ou deitados, onde eles estão mais concentrados dentro do curral, auxiliando no operacional do confinamento.”

O confinamento se baseia em dados para tomar decisões mais assertivas. “A MTQ faz investimentos em pesquisas, como limpezas dos bebedouros que nos foi relatada durante a visita”, diz Álvaro.

O estudo em questão serviu para identificar o melhor custo-benefício na frequência de limpeza dos bebedouros do confinamento. “Durante as análises da água servida no bebedouro, eles perceberam que a qualidade do líquido não era comprometida até o terceiro dia sem higienização. No entanto, após o segundo dia, a limpeza se tornava mais complicada, o que tomaria mais tempo dos colaboradores. Dessa forma, foi estabelecida uma frequência ótima “dia sim, dia não.”

A integração já é uma realidade consolidada no MT

Assim como a Fazenda Brasil, de Indianópolis, que já realizou parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) para Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF), a Fazenda Estrela do Norte, do Grupo Agroterenas, também utiliza da Integração Lavoura-Pecuária (ILP) como estratégia para o aumento de produtividade, em Água Boa (MT).

A Fazenda Estrelinha, do Grupo Cunha, de Canarana (MT), é outro exemplo de adoção da integração em seu sistema de produção. Por muito tempo, os gestores sofreram com o solo arenoso e pouco fértil da região, onde o plantio de soja não tinha um bom desenvolvimento. Após a entrada da pecuária e anos de cultivo de capim na mesma área, uma outra tentativa de plantio de soja resultou em produtividade duas vezes maior que nas vezes anteriores. Agora, a ILP e a rotação de culturas (capim, soja e milho) são realidades no negócio.

ARTIGOS RELACIONADOS

Verminose na recria do gado: estratégias e impactos

O período de recria é uma muito importante para o pecuarista, e as verminoses têm potencial para comprometer significativamente o desempenho destes animais, mesmo sem manifestar sintomas, elevando o custo de produção.

Como o manejo da ordenha impacta na mastite de vacas leiteiras?

O correto manejo no momento da ordenha - inclusive a manutenção da ordenhadeira - é intrínseco para reduzir os riscos de mastite em vacas leiteiras

Prevenção é primordial para um rebanho de qualidade

Atuar preventivamente contra doenças que prejudicam o desempenho e que são potencialmente fatais para o gado é uma forma de evitar prejuízos e reflete em produtos de maior qualidade.

Criação de Bezerros do leite para corte

Como trabalhar com o gado de leite de baixa produção com foco na cria para corte. Operação simples, mas cuidado ao querer trabalhar dessa maneira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!